Fábio Campana | Política, cultura e o poder por trás dos panos. - Part 3

Contador de Beto Richa quer delatar


Paúra no ninho tucano. Tremedeira no Centro Cívico. Contador da família Richa e preso desde o fim de janeiro, Dirceu Pupo, está tentando contratar um advogado com o objetivo de delatar. Informações do Lauro Jardim.

MDB patina na inércia


O MDB velho de guerra está cansado, sem norte. Na Câmara, com bancada reduzida para 34 deputados, a mais inexpressiva da sua história, o partido que já foi liderado por Ulysses Guimarães sofre crise de identidade. É que os novos deputados eleitos em 2018 não querem saber das velhas lideranças, representadas pelo seu atual presidente nacional, Romero Jucá. Nem mesmo as cumprimenta. O partido não tem nem mesmo interessados em assumir sua presidência. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Perdidos, os antigos do MDB não sabem nem mesmo a quem se dirigir. Não há líderes que se destaquem, entre os novos do MDB. Para entender o que acontece, Jucá se reuniu antigas lideranças do velho MDB, como Moreira Franco, mas ninguém sabe o que fazer. O governador Ibaneis Rocha (DF) aceitaria presidir o partido, mas o estatuto veda essa função aos que ocupam cargos no Poder Executivo. A cúpula do MDB apelou ao ex-presidente Michel Temer para assumir o comando do partido. Ele recusou: afastou-se da política para sempre.

Deltan é insubordinado, diz Barros


“Deltan Dalagnol está sendo insubordinado, insisto que há juízes e promotores honestos e comprometidos com o combate à corrupção em outros tribunais. A lava jato não tem o monopólio do juízo correto, tem fixação nos métodos da operação Mãos Limpas que outros juízes não tem” – do deputado Ricardo Barros (PP) no twitter. O Procurador Deltan Dallagnol não costuma levar desaforo para casa. Aguarda-se a resposta.

Gleisi é intocável, diz Lula


Lula continua irredutível. A todos que pedem a substituição de Gleisi Hoffmann da presidência do PT, ele repete o mesmo argumento: “Pra botar quem? Ela foi a deputada federal mais votada do partido. Teve 200 000 votos”. As informações são de Maurício Lima no Radar da Veja.

PP reforça convite a Rafael Greca

Com o fim do Carnaval, iniciam-se as costuras e articulações para as eleições municipais em 2020. Em Curitiba, sabe-se que o prefeito Rafael Greca sairá do nanico PMN, que não superou a cláusula de barreira, para disputar a reeleição em uma legenda com mais estrutura física e financeira. Greca já recebeu convites do DEM, do PP e do PTB.

Apesar de mais inclinado a voltar às fileiras do DEM, foi do antigo PFL, o prefeito analisa, sem pressa, os outros acenos. Acenos que devem se repetir em frequência e intensidade nos próximos meses.

Leia Mais »

Marchese quer desconstruir
o sistema de privilégios


O deputado Homero Marchese não conquistou um mandato para exercer o papel que a maioria adota de simplesmente trabalhar para obter vantagens para sua base eleitoral. Faz isso também. Mas o fundamental para ele é trabalhar para mudar o sistema político burocrático que mantém privilégios e corrompe a máquina administrativa dos Poderes.

É essa linha que justifica o projeto de Marchese para aumentar a transparência do poder público paranaense, tornando a divulgação individualizada e nominal dos vencimentos dos servidores da administração indireta uma norma.Levantamento realizado pela equipe jurídica de Homero mostra que, atualmente, pelo menos 12 entes públicos, entre empresas públicas de economia mista, fundações e autarquias, não divulgam informações individuais e nominais sobre os salários dos funcionários. É o caso, por exemplo, da Fundação Estatal de Atuação em Saúde (Funeas), Fundação Araucária, E-Paraná Comunicação, PalcoParaná, Simepar, Ceasa, Cohapar, Compagas, Copel e Sanepar.
“A regra será a transparência total.

Outro projeto do deputado Marchese, relator da PEC 01/2019, que põe fim ao pagamento de aposentadoria a futuros ex-governadores, pretende emendar a proposta e aplicar o corte para nove ex-mandatários e três viúvas que recebem o benefício, de R$ R$ 30.471,11.Homero alerta, porém, para o fato de que a PEC encaminhada à Assembleia Legislativa do Paraná pelo governador Ratinho Jr pode não prosperar; já que no mesmo dia em que a proposta será debatida na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia, quarta-feira, 20, o Supremo Tribunal Federal (STF) analisa a ADI 4545 (Ação Direta de Inconstitucionalidade) que pede justamente o fim do pagamento.

Leia Mais »

Ratinho Jr pede ajuda de Itaipu

O governador do Paraná, Ratinho Jr, pediu apoio da Itaipu Binacional para projetos estratégicos do Estado. Na pauta, entre outros temas, o corredor bioceânico ligando o Porto de Paranaguá ao de Antofagastita, no Chile, e a manutenção da distribuição dos royalties nos moldes atuais, quando o anexo C do Tratado for revisado.

Os assuntos foram discutidos nesta segunda-feira, 18, num café da manhã que marcou o primeiro encontro do governador com o diretor-geral brasileiro, general Joaquim Silva e Luna. Apaixonado pela ideia de fazer do Paraná um “hub” logístico da América do Sul, o governador Ratinho Jr sonha em criar uma rota bioceânica, que permita ligar o Porto de Paranaguá, no Atlântico, ao de Antofagastita, no Pacífico.

Leia Mais »

Pesquisa mostra queda de Bolsonaro

A popularidade e o prestígio do governo de Jair Bolsonaro já foram melhores. Pesquisa realizada pelo Ipespe mostra uma queda substancial, o que acendeu a luz amarela no Palácio do Planalto.

O governo ainda é considerado ótimo ou bom por 37% dos eleitores e ruim ou péssimo por 24%.

Na pesquisa anterior, de fevereiro, esses números eram 40% e 17%. O saldo entre um grupo e outro caiu 10 pontos.

Janot adia aposentadoria da PGR

Rodrigo Janot adiou sua aposentadoria da Procuradoria-Geral da República, que estava marcada para 6 de março, por suspeitar que o gabinete de Raquel Dodge conduz uma investigação sigilosa contra ele.As informações são da Época.

Janot já enviou dois ofícios para o gabinete da procuradora-geral, sua sucessora e adversária dentro do Ministério Público Federal, perguntando se ele é suspeito em algum procedimento investigativo.

Leia Mais »

STF age para enquadrar MPF

As decisões do Supremo Tribunal Federal (STF), em claro desacordo com a força-tarefa da Lava Jato e o Ministério Público Federal como um todo, confirmam a informação desta coluna, de 25 de fevereiro, sobre a decisão dos ministros do STF presidido por Dias Toffoli de impor limites aos procuradores, negando-lhes pedidos “abusivos” e aumentando as exigências para autorizar buscas ou decretar prisões. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Já na segunda (11), a chefe da PGR, Raquel Dodge, que conhece a alma do STF, arquivou acusação da força-tarefa contra Gilmar Mendes. Na sessão de quinta (14), os ministros do STF derrotaram a força-tarefa ao despachar crimes de caixa 2 para a Justiça Eleitoral. A semana encerrou na sexta (15), com o ministro Alexandre de Moraes liquidando a “Fundação da Lava Jato” e a bela verba de R$ 2,5 bilhões.

Sem coligações, número de candidatos deve aumentar

As eleições municipais de 2020 trarão uma mudança que promete provocar uma verdadeira “revolução” no quadro político partidário do País, com reflexos diretos na disputa pelo poder em Curitiba. Pela primeira vez, as siglas estarão proibidas de realizar as chamadas coligações proporcionais para candidatos a vereador. Com isso, a previsão é de que aumentem não só o número de concorrentes à Câmara Municipal, mas também à prefeitura. As informações são do Bem Paraná.

Leia Mais »

Bolsonaro critica ‘defensores da tirania’ em jantar nos EUA

O presidente Jair Bolsonaro esteve em um jantar na casa de Sergio Amaral, embaixador do Brasil, em Washington, reunido com pensadores da direita nos Estados Unidos.

Durante o encontro, Bolsonaro criticou os “defensores da tirania” e atacou o “antigo comunismo”, a informação é do jornal o Estado de S. Paulo.

Em sua conta oficial no Twitter, Bolsonaro destacou que esta é a primeira vez em que Estados Unidos recebe um presidente que não é “anti-americano”. Ele também destacou que o objetivo da viagem é a “busca por parcerias com um país livre e próspero”.

O presidente será recebido por Donald Trump nesta terça-feira (19).

Leia Mais »

Comentário do Dia
Rádio Cidade 670

Comentário desta segunda-feira na Rádio Cidade 670.

Todos os dias, às 7h30 da matina, um comentário meu sobre a política nativa e tudo o mais que estiver na ordem do dia. Na Rádio Cidade 670.

Gilmar Mendes livra Beto Richa
de novas prisões

Beto Richa pode dormir tranquilo.Gilmar Mendes concedeu a ele um habeas corpus que não permite que ele volte a ser preso pelos motivos apresentados pelo Ministério Público Federal e pelo Gaeco relacionados às operações. É o que determina o habeas corpus do ministro Gilmar Mendes, que soltou o contador Dirceu Pupo Ferreira, operador que foi preso em 25 de janeiro junto com o Beto Richa.

Gilmar Mendes lembrou que está vigente o salvo-conduto que emitiu para soltar o casal Beto e Fernanda Richa, o irmão Pepe e outros agentes públicos e empresários presos pela Operação Rádio Patrulha. O ministro repetiu a ordem na decisão que tirou o contador da cadeia:

Gilmar Mendes entendeu “ser o caso de expedir novo salvo-conduto” por considerar que ainda há “risco concreto de novas prisões […] pelos mesmos fatos considerados insuscetíveis de prisão cautelar, entendo ser o caso de expedir novo salvo-conduto”.

ATENÇÃO: Gilmar Mendes manda soltar operador de Beto Richa

Gilmar Mendes mandou soltar Dirceu Pupo Ferreira, contador da família de Beto Richa preso desde o fim de janeiro.

Além do habeas corpus, o ministro do STF deu novo salvo-conduto para o tucano e família em relação a qualquer determinação de prisões cautelares.

‘Assistimos ao renascimento da família imperial’, critica FHC

Questionado pelo Estadão sobre o comportamento de Bolsonaro e de seus filhos (Flávio, Eduardo e Carlos) nas rede sociais, FHC se disse preocupado com o envolvimento da família no “jogo do poder” porque “leva o sentimento demasiado longe” e disparou: “Eu acho perigoso. É abusivo, polariza (…) Nós estamos assistindo ao renascimento de uma família imperial de origem plebeia. É curioso isso. Geralmente, na República, as famílias não têm esse peso”. Segundo ele, “Bolsonaro está indo mal por conta própria”.

O projeto de lei anticrime

Os problemas não desaparecem se os ignorarmos.

Artigo de Sergio Moro, na Folha de S. Paulo

Nos últimos anos, foi descoberto um sistema de corrupção que afetou a integridade da maior estatal brasileira, a Petrobras, e outras parcelas da administração pública, servindo ao enriquecimento ilícito de agentes públicos inescrupulosos e distorcendo o processo eleitoral.

No mesmo período, organizações criminosas armadas, algumas delas sediadas em presídios, tornaram-se cada vez mais fortes. Em janeiro deste ano, algumas dessas organizações sentiram-se à vontade para perpetrar atos de características terroristas, como a tentativa de explodir viadutos no estado do Ceará.

Leia Mais »

Apoiadores da Lava Jato em Curitiba marcam protesto contra o STF

O Movimento Brasil Livre (MBL) e Curitiba Contra a Corrupção marcaram para este domingo (17) um manifestação de apoio à Operação Lava Jato e de repúdio ao Supremo Tribunal Federal (STF). O ato quer ser uma resposta à votação dos ministros que deu competência à Justiça Eleitoral para investigar casos de corrupção da Operação Lava Jato que envolvam caixa 2 e outros crimes comuns, como lavagem de dinheiro.

Até agora são 266 confirmados e 362 interessados. A imagem convoca as pessoas com a seguinte mensagem: “A Lava Jato precisa de você”. A manifestação está marcada para a partir das 15 horas na Boca Maldita, no Centro de Curitiba. As informações são do blog Política em Debate no Bem Paraná.

Leia Mais »

Por que só Ratinho Jr não foi à reunião de governadores do sul e sudeste convocada por Bolsonaro?

Só o governador Ratinho Jr não foi ao encontro de governadores de sul e do sudeste convocado pelo presidente Jair Bolsonaro. Nem mandou representante. A ausência não passou desapercebida e a dúvida é natural. Ratinho mão foi porque não quis por que não foi convidado. É mais provável a primeira hipótese.Resta saber como isso é recebido por Bolsonaro, que comemorou a moção de apoio à reforma da previdência assinada por todos os outros governadores.

O esforço do governo Jair Bolsonaro para aprovar a reforma da Previdência ganhou reforço na tarde deste sábado, 15, dos governadores dos Estados das regiões Sul e Sudeste, que declararam apoio ao projeto após se reunirem em Belo Horizonte. “A principal mensagem é um apoio incondicional à reforma da Previdência”, afirmou João Doria (PSDB) ao Estado após o encontro.

Segundo ele, há compreensão entre os governadores que estiveram presentes da importância estratégica da reforma e de seu potencial para mudar o País. Ele esclareceu, contudo, que Renato Casagrande (PSB), do Espírito Santo, pontuou na reunião ter ressalvas em relação à proposta do governo Bolsonaro.

Leia Mais »

Deltan vê STF ‘desconfortável’

BR18

Um dos alvos do inquérito instaurado por ordem do STF para apurar ataques a aos integrantes da Corte, o procurador da República Deltan Dallagnol, coordenador da da Operação Lava Jato, em Curitiba, diz que sua percepção é que “o Supremo talvez esteja se sentindo desconfortável”.

Em entrevista ao Estadão, Dallagnol fala que há um “clamor social” por transparência. “A preocupação do Supremo deveria ser de prestar contas à sociedade de suas decisões e não buscar de modo indireto desincentivar agentes públicos de prestar contas e exercerem com a liberdade que a Constituição os assegura o seu direito de manifestação e de crítica.”