Fábio Campana | Política, cultura e o poder por trás dos panos. - Part 3

Evento da Justiça homenageia
Moro, Mourão e Darci Piana

O ministro Sergio Moro pode medir o seu prestígio em Curitiba. Foi muito aplaudido no evento alusivo ao Dia Nacional da Justiça e da Família, que é comemorado no dia 08 de dezembro. O evento contou com uma palestra do vice-presidente da República, Gal. Hamilton Mourão, e com a participação do ministro da Justiça.

O vice governador Darci Piana, com o ministro Moro, o vice general Hamilton Mourão e outras personalidades, receberam a comenda “Parceiro da Justiça e Cidadania”. Foi um importante evento de celebração da Justiça e da Família, valores fundamentais para que uma sociedade se desenvolva.

Boca Aberta Jr vota contra a reforma da Previdência

O deputado estadual Boca Aberta Jr votou contra o Projeto de reforma da previdência e da educação e se pronunciou em defesa dos Professores e Servidores. É o que segue:

“Rapidamente não posso deixar de manifestar o nosso voto, eu cheguei até aqui eleito pelo povo de Londrina e Região, especificamente com 40 mil votos, chegamos até aqui sem apoio de grupo econômico e sem apoio de grupo político. E neste momento de tomada de decisão, vou estar sempre ao lado do povo, sempre que eu tiver de escolher entre ficar ao lado do Governo e ficar ao lado da população do Paraná.

Leia Mais »

Pasmem. Flamengo recorre na Justiça para não indenizar vítimas do incêndio

É de dar engulhos. O Flamengo não parece disposto a cumprir decisão da justiça que obriga o time a indenizar as vítimas do criminoso incêndio no CT do Clube. O valor afixado, pasmem, é de R$ 10 mil mensais por família. O clube, que tem um faturamento aproximado de R$ 700 milhões neste ano, com projeções de faturar R$ 1 bi no ano que vem, vai recorrer da decisão da Justiça do Rio de Janeiro, adianta o Jornal O Globo.

A comparação dos números é constrangedora. Com um orçamento mensal estimado em aproximadamente R$ 60 milhões de reais, a pena obrigaria o clube a arcar com o valor de R$ 100 mil. Multicampeão e milionário, o Flamengo recorre para não comprometer 0,15% do seu orçamento.

Em Ponta Grossa, PP deve ir com Aliel

O PP deve apoiar o deputado Aliel Machado (PSB) na disputa pela Prefeitura de Ponta Grossa no ano que vem. Com isso, diminuem as chances do ex-prefeito Pedro Wosgrau Filho (PP) sair candidato em busca do quarto mandato.

Aliel possui uma relação próxima com o deputado Ricardo Barros e a ex-governadora Cida Borghetti e já estiveram juntos nas últimas eleições municipais e para o Governo do Estado. Além disso, Aliel articula o apoio do PSB para Silvio Barros II em Maringá.

Leia Mais »

Bolsonaro reclama de polêmicas provocadas por ministros no governo

Radar, VEJA

Jair Bolsonaro reuniu seu núcleo duro no Palácio do Planalto nesta semana para uma bronca geral. A turma, na avaliação dele, anda falando demais.

Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) lançou Sergio Moro a vice em 2022. Já Paulo Guedes (Economia) flertou com a privatização do Banco do Brasil. Abraham Weintraub, o mais queimado com o chefe, só não rodou no MEC porque a imprensa pediu a cabeça dele — Bolsonaro, por ora, não quis dar o gostinho.

Na avaliação do presidente, ele moderou as falas e calou os filhos — saíram dos holofotes nas últimas semanas –, mas os ministros seguiram criando “marolas” no governo. “Quer dizer que nós paramos e aí vocês começam?”, reclamou

MP deflagra ação em 10 Estados contra comércio ilegal de lubrificante

Foi deflagrada nesta sexta-feira 6 de dezembro, a Operação Nacional Petrolato, ação do Ministério Público em 10 estados, coordenada pelo Ministério Público do Paraná e voltada a coibir ilegalidades no setor de logística reversa de óleo lubrificante usado e contaminado. No âmbito do MPPR o trabalho é conduzido pelas Regionais de Curitiba e Cascavel do Grupo de Atuação Especializada em Meio Ambiente, Habitação e Urbanismo (Gaema) e pela 13ª Promotoria de Justiça de Maringá. Estão sendo cumpridos no Paraná sete mandados de busca e apreensão nas cidades de Curitiba, São José dos Pinhais, Maringá e Cascavel.

Leia Mais »

Flamengo terá de pagar pensão a vítimas de incêndio e familiares

Uma decisão liminar da Justiça do Rio de Janeiro obriga o Clube de Regatas Flamengo a pagar uma pensão mensal de R$ 10 mil às famílias dos dez jovens atletas que morreram em incêndio no centro de treinamento Ninho do Urubu, em fevereiro deste ano. Além dos familiares, o Flamengo também terá que incluir na sua folha de pagamento outros três atletas feridos no acidente. A informação foi divulgada em nota, nesta quinta-feira (5), pela Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro.

Leia Mais »

STF acaba com aposentadoria vitalícia de ex-governadores

da Band News Curitiba

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (05) que ex-governadores do Paraná não têm mais o direito de receber aposentadoria especial. A medida é válida, também, para pensões pagas às viúvas dos ex-chefes de estado. O STF acatou, por maioria de votos, Ação Direta de Inconstitucionalidade da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) contra dispositivo da Constituição Estadual paranaense que previa o pagamento do benefício.

Leia Mais »

Presos em Curitiba suspeitos de aplicar golpe de R$ 1,5 bilhão em investidores de bitcoin

da Tribuna do Paraná

Um grupo de Curitiba que prometia rendimentos de 3% a 4% ao dia em rendimentos a investidores de bitcoin (criptomoeda) é alvo de operação da Polícia Civil desde as primeiras horas da manhã de quinta-feira (5). Até por volta das 8h, já eram nove presos na operação. A suspeita é de que o golpe aplicado pela empresa Block Chain It tenha ultrapassado R$ 1,5 bilhão, entre o dinheiro investido e a promessa de rendimentos.

Leia Mais »

Universidade Positivo é vendida para Cruzeiro do Sul Educacional

A Universidade Positivo (UP) foi vendida para o grupo paulista de ensino Cruzeiro do Sul Educacional. A aquisição foi anunciada nesta quinta-feira (5) pelo grupo educacional.

De acordo com a Cruzeiro do Sul, a finalização da transação está sujeita à aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Os valores da negociação não foram revelados pelas empresas. As informações são do G1.

Leia Mais »

Piana recebe Corpo Consular

O vice-governador do Paraná, Darci Piana, recebeu nesta quarta-feira os membros do Corpo Consular do Paraná. Cônsules de diversos países participaram da reunião, que foi a primeira realizada pelo governo do Paraná com os representantes diplomáticos da diretoria recém-empossada do Corpo Consular. No evento, foram traçadas ações conjuntas dos consulados com o governo Carlos Massa Ratinho Junior. Piana agradeceu a visita a todos os presentes, nas pessoas do vice-presidente do Corpo Consular, Pedro Ezequiel Marotta, cônsul da Argentina no Paraná, e do embaixador Igor Kipman, chefe do escritório de Representação no Paraná do Ministério das Relações Exteriores.

Leia Mais »

Itaipu fecha escritório em Curitiba e unifica trabalho em Foz do Iguaçu

Depois da transferência do pessoal do escritório da Itaipu Binacional em Curitiba para as várias áreas em Foz do Iguaçu, o grupo de trabalho que acompanhou o processo de migração concluiu que não há necessidade nem mesmo de manter uma representação, ainda que mínima própria, na capital.

Nesta quinta-feira (5), a Diretoria Executiva aprovou a proposta apresentada pelo diretor-geral brasileiro, general Joaquim Silva e Luna, para o fechamento definitivo do escritório a partir do dia 31 de janeiro de 2020 – prazo final para a transferência dos últimos empregados ainda locados naquela cidade.

Se houver necessidade de reuniões na capital, a Diretoria contará com o apoio do Governo do Paraná, que já colocou à disposição salas do Palácio Iguaçu e também da Copel, pela natureza do negócio, que é energia, parecida e de diversas parcerias. Quando necessário, a empresa deve ceder à Itaipu duas salas de apoio, uma na sede própria e outra no polo Barigui. Tudo sem custos.

Leia Mais »

Fundão de R$3,8 bilhões garante em 2020 as eleições municipais mais caras da História


O Fundão Sem Vergonha de R$3,8 bilhões, aprovado na Comissão de Orçamento para bancar a campanha municipal, garantiu que as eleições 2020 sejam as mais caras da História. Em 2016, a primeira realizada sem dinheiro de empresas, o valor total foi de R$ 2,7 bilhões, incluindo o dinheiro dos próprios candidatos e doações de pessoas físicas. A decisão na comissão foi articulada desavergonhadamente pelo centrão. “Centrão foi inconsequente”, criticou um líder governista. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

Além de dinheiro para financiar seus aliados nos municípios, deputados e senadores garantem também seus próprios bilhões para 2022.Em delação, o ex-ministro petista Antonio Palocci revelou que em 2014 a campanha de Dilma custou R$800 milhões, “a maior parte ilícita”.

O custo declarado da eleição 2014 foi de R$5 bilhões. Em 2018, foram R$2,8 bilhões no primeiro turno, segundo o Tribunal Superior Eleitoral. O Fundão é quase sete vezes maior que os cerca de R$550 milhões públicos utilizados nas campanhas eleitorais em 2016. Uma vergonha.

Demonstração de força


O governo Ratinho Jr mostrou sua força no Legislativo. A Assembleia Legislativa aprovou, sem choro nem vela, em uma sessão ordinária e outras duas extraordinárias, realizadas na tarde de quarta, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 16/2019 que estabelece novas regras de funcionamento para a Previdência social. A medida busca a sustentabilidade do atual sistema previdenciário paranaense, permitindo, segundo o Governo, “a construção de um modelo que fortaleça o desenvolvimento no futuro”.

O texto, de autoria do Poder Executivo, foi aprovado em primeiro e em segundo turnos, e em redação final durante sessões realizadas na Ópera de Arame por motivos de segurança.

Em primeira votação a matéria foi aprovada com 43 votos favoráveis e nove contrários. Já em segunda discussão o projeto recebeu 43 votos a favor e um contra. A oposição jogou a toalha. Nesta votação, a bancada contra o governo se retirou após anúncio do líder, deputado Tadeu Veneri (PT). Agora a PEC está apta para ser promulgada pela Comissão Executiva da Casa.

Produção de veículos cai 7,1% em novembro; foram fechadas 1.305 vagas no mês


A moçada que defende o governo insiste em dizer que tudo vai bem, no melhor dos mundos. Mas os fatos insistem em desmenti-los. Vejam só este indicador: a produção de veículos no Brasil caiu 7,1% em novembro ante igual mês do ano passado, informou nesta quinta-feira, 5, a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). Foram produzidas 227,5 mil unidades no penúltimo mês do ano, em soma que considera os segmentos de automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus.

Leia Mais »

Câmara aprova pacote anticrime

O plenário da Câmara aprovou nesta quarta-feira (4) o projeto de lei do pacote anticrime (PL 10372/18). O texto-base foi aprovado por 408 votos a favor, 9 contra, e 2 abstenções e, posteriormente, os parlamentares rejeitaram um destaque do partido Novo, que pedia a retirada do texto da figura do juiz de garantias, um magistrado responsável pelo controle da legalidade da investigação criminal e que não fará o julgamento do mérito do fato.

O PL segue para análise do Senado.

Leia Mais »

Bolsonaro no Maracanã

O presidente Jair Bolsonaro irá assistir ao jogo do Flamengo contra o Avaí, no Maracanã, nesta quinta.

A partida é a penúltima do campeão brasileiro de 2019 nesta competição.

A informação, publicada na coluna Radar, foi confirmada pela Presidência da República.

PDT e PT ensaiam nova dobradinha

Não passou despercebido no Paraná o abraço da presidente do PT, Gleisi Hoffmann, ao presidente do PDT, Carlos Lupi, em evento ontem. Têm petista e pedetista que sonha com a dobradinha que levou o deputado Gustavo Fruet (PDT) e Mrian Gonçalves (PT) a prefeitura de Curitiba entre 2013-2016. Fruet é pré-candidato a prefeito nas eleições de 2020. Já o PT sonha em se aninhar com Fruet na vice-novamente.

Assembleia aprova PEC da reforma da Previdência dos servidores estaduais

A Assembleia Legislativa do Paraná aprovou em uma sessão ordinária e outras duas extraordinárias, realizadas na tarde desta quarta-feira (04), a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 16/2019 que prevê a alteração dos artigos 35 e 129 da Constituição do Estado e estabelece novas regras de funcionamento para a Previdência social. A medida busca a sustentabilidade do atual sistema previdenciário paranaense, permitindo, segundo o Governo, “a construção de um modelo que fortaleça o desenvolvimento no futuro”.

Leia Mais »