Fábio Campana | Política, cultura e o poder por trás dos panos. - Part 2

Engavetamento de 22 veículos deixa oito mortos e 23 feridos na BR-277, em São José dos Pinhais

Oito pessoas morreram e 23 pessoas ficam feriadas em acidente envolvendo 22 veículos na noite deste domingo, 2 de agosto, na BR-277, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), sentido praias. O acidente foi um engavetamento causado pela fumaça de um incêndio ambiental nas margens da pista na altura do km 76. Duas vítimas em estado crítico e com risco de morte foram encaminhadas a hospitais da região.

Sete pessoas morreram no local e uma delas morreu já, no Hospital Cajuru. A informação da morte da oitava vítima foi confirmada pelo Instituto Médico Legal (IML). As vítimas são cinco mulheres e três homens. Até a última atualização da reportagem, três dos mortos foram identificados pelos bombeiros.

Leia Mais »

Brasil enfrentará ‘longo caminho’ para deixar a pandemia, diz OMS

O número de novos casos de infecção por coronavírus por 100 mil habitantes mais que dobrou no Brasil nos últimos dois meses. O país registrou 301 novos casos por 100 mil habitantes nas duas semanas encerradas nesta segunda (3), um aumento de 123% sobre os 134,4 novos casos/100 mil habitantes da quinzena que terminou em 3 de junho.

A situação do coronavírus no Brasil “continua muito preocupante” e “o caminho à frente é longo e exige forte compromisso”, disse nesta segunda Michael Ryan, diretor-executivo da OMS (Organização Mundial da Saúde). “A única saída para países com intensa transmissão comunitária, como o Brasil, é uma parceria forte entre governo federal e estaduais e o engajamento da sociedade”. As informações são da Folha.

Leia Mais »

Discussão sobre volta às aulas envolve ciência e insegurança dos pais

ctv-hov-escola1Com o início do segundo semestre, a volta às aulas torna-se o centro da discussão da pandemia no Brasil e no mundo. A ciência tem dito que é possível retornar, desde que com segurança. Isso porque estudos preliminares mostram que as crianças se infectam menos e transmitem menos a doença. Os educadores enumeram as perdas: prejuízos à aprendizagem, à convivência social e até o risco de danos graves à saúde mental e à nutrição dos alunos. Mas incertezas quanto ao enfrentamento da pandemia, à dificuldade de crianças cumprirem regras sanitárias e o número de infectados no País fazem pais e professores se sentirem inseguros para voltarem às escolas. As informações são do Estadão;

Leia Mais »

O futuro do SUS

Antes da eclosão da pandemia de covid-19, a pressão sobre o Sistema Único de Saúde (SUS) já era crescente. O SUS há muito é subfinanciado, o que tem consequência direta na qualidade do serviço que presta à população. Agrava este quadro o fato de muitos brasileiros terem perdido o plano de saúde particular em decorrência do desemprego provocado pela crise econômica e passado a depender do sistema público de saúde. Movimento semelhante também pode ser observado no sistema público de educação, dado que a mesma crise reduziu o orçamento de muitas famílias para pagar mensalidades escolares. Nesse contexto, tende a aumentar o grau de exigência da sociedade sobre as contrapartidas estatais à carga tributária.

A chegada do novo coronavírus ao País obrigou as três esferas de governo, além do Poder Legislativo, a pensar, de uma hora para outra, sobre as condições atuais do sistema público de saúde. E, deve-se reconhecer, muito já foi feito nesses quatro meses de pandemia no Brasil. O que se viu nesse curto espaço de tempo não tem precedentes na história de mais de três décadas do SUS. As informações são do Estadão.

Leia Mais »

Facebook cumpre decisão de Moraes e bloqueia contas no exterior

O Facebook divulgou, hoje (1º), que pretende fazer um bloqueio global de 12 perfis de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro na rede social, cumprindo a determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Mores.

Em nota, a empresa também afirmou que pretende recorrer da decisão de Moraes ao próprio STF. As informações são da Agência Brasil.

Paraná exige que Renault reveja demissão de 747 trabalhadores,
diz Romanelli

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) afirmou neste domingo, 2, que se trata mais do que um descaso a demissão de trabalhadores pela Renault em São José dos Pinhais. Alegando queda nas vendas, a montadora cortou um turno e demitiu 747 metalúrgicos, alguns deles, inclusive, internados na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) em hospitais para o tratamento da covid-19.

Romanelli participou na sexta-feira, 31, de uma audiência pública remota, na Assembleia Legislativa e afirmou que o Estado precisa agir com rigor para que a Renault reverta a decisão de demitir funcionários.

Assim como outras empresas do setor automotivo, a Renault recebe incentivos do Estado, em troca de manter e gerar novos empregos. “Nós trocamos impostos por empregos. Por isso, a Renault tem obrigação de manter os empregos. Por mais de 20 anos a montadora recebe benefícios fiscais que não são poucos”, disse.

Leia Mais »

Saúde Brasil tem 2,7 milhões de casos e 93,6 mil mortes por covid-19

Situação epidemiológica da covid-19 no Brasil

O Brasil registrou, desde o início da pandemia,  2,70 milhões de pessoas infectadas pelo covid-19,  segundo balanço divulgado neste sábado (1º) pelo Ministério das Saúde. O número é 45,4 mil maior do que o divulgado no levantamento anterior. O número atualizado de recuperados está em 1,86 milhão. Há ainda 748,59 mil pacientes sendo acompanhados.

O novo coronavírus causou a morte de 93,57 mil pessoas no Brasil desde o início da pandemia. Segundo o balanço, de ontem (31) para hoje  foram registradas mais 1.088 mortes.

A taxa de letalidade (número de mortes pelo total de casos) está em 3,5%; e a de mortalidade (quantidade de óbitos por 100 mil habitantes) em 44,5. As informações são da Agência Brasil. Leia Mais »

Famílias do MST doam mais de 15 toneladas de alimentos no Paraná

Mais de 15 toneladas de alimentos frescos e 400 cargas de gás de cozinha serão doados para famílias carentes de Curitiba e Araucária, neste sábado (1º).

A ação é feita pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e o Sindicato dos Petroleiros do Paraná e Santa Catarina (Sindipetro-PR/SC).

A iniciativa busca contribuir para o enfrentamento da fome durante a pandemia do novo coronavírus.

Arroz, feijão, batata, mandioca, laranja e banana estão entre os alimentos entregues aos moradores do Jardim Santos Andrade, no bairro Campo Comprido, e na Vila Formosa, no Novo Mundo, em Curitiba. As informações são do G1.

Leia Mais »

Paraná tem 1.799 novos casos de covid-19 e 54 novos óbitos

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste sábado (01) 1.799 novas confirmações e 54 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. O Paraná acumula 77.098 diagnósticos positivos e 1.953 mortos em decorrência da doença.

INTERNADOS – 1.273 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados neste sábado. 984 pacientes estão em leitos SUS (416 em UTI e 568 em leitos clínicos/enfermaria) e 289 em leitos da rede particular (110 em UTI e 179 em leitos clínicos/enfermaria).

Há outros 910 pacientes internados, 454 em leitos UTI e 456 em enfermaria, que aguardam resultados de exames. Eles estão em leitos das redes pública e particular e são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

ÓBITOS – A secretaria estadual informa a morte de 54 pacientes, todos estavam internados. São 17 mulheres e 38 homens, com idades que variam de 40 a 92 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 16 de julho a 01 de agosto. Os pacientes que faleceram residiam em: Curitiba (22), São José dos Pinhais (4), Londrina (4), Pinhais (3), dois casos nos municípios de: Arapongas, Campo Largo, Cascavel, Foz do Iguaçu e Maringá e um caso em cada um dos seguintes municípios: Castro, Cerro Azul, Colombo, Fazendo Rio Grande, Formosa do Oeste, Medianeira, Pato Branco, Rio Negro, São Miguel do Iguaçu, Tibagi e Toledo.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento da Sesa registra 832 casos de residentes de fora. 22 pessoas foram a óbito.

Curitiba tem mais 15 mortes, 619 novos casos e 5.760 pacientes estão
na fase ativa da Covid19

O boletim divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba neste sábado (1) registra mais 15 óbitos de moradores da capital pela doença e 619 novos casos. Com os novos registros, sobe para 563 o número de óbitos de pessoas com diagnóstico de covid-19.

As novas vítimas tinham idade entre 48 e 91 anos, eram seis mulheres e nove homens. Dos novos óbitos, 13 ocorreram nas últimas 48 horas e os outros dois aconteceram nos dias 27 e 30 de julho.

Todos os pacientes tiveram atendimento médico em hospitais públicos ou privados da capital. Doze deles tinham comorbidades ou apresentavam fatores de risco para complicações da covid-19. Em três pacientes esta situação ainda está sendo investigada.

Além dos 563 óbitos confirmados, outros cinco estão em investigação.

Leia Mais »

Aras quer corrigir ou
implodir a Lava Jato?

Embate entre procurador-geral da República, Augusto Aras, e operação Lava Jato está claro. Resta saber, diz cientista político,se intenção é corrigir erros ou acabar com força-tarefa.

Aras, mesmo antes de ser escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro para chefiar a PGR, fora da lista tríplice da categoria, como era o costume, criticava pontualmente a Lava Jato.

“A grande questão é saber se o procurador-geral, que me parece muitíssimo alinhado ao presidente Bolsonaro, visa realmente a correção de rumos da Lava Jato, ou um ataque mais frontal à operação”, questionou Rodrigo Prando, professor da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo.

Leia Mais »

Bolsonaro invade praia de Lula


Bolsonaro foi ao Nordeste, em plena campanha: máscara no queixo, chapéu de vaqueiro, montado numa égua e acenando e apertando a mão de meio mundo. Inaugurou uma adutora em Campo Alegre de Lourdes (BA) onde perdeu para Haddad por 89% a 11%. Com a máquina federal nas mãos, quer avançar sobre a última cidadela do lulismo. Só faltou comer buchada de bode. Ele aposta nos nordestinos para sua reeleição. No palanque em cinco minutos, citou Deus sete vezes e repetiu seu slogan eleitoral outras três vezes. E até ouviu gritar “mito”. Detalhe: a conquista do Nordeste não será tarefa fácil.

Romanelli confirma R$ 100 milhões para compra de vacinas

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) confirmou nesta sexta-feira, 31, em entrevista à imprensa, o repasse de R$ 100 milhões, recursos próprios da Assembleia Legislativa, ao Estado para compra de vacinas contra o coronavírus. Nesta segunda-feira, 3, os deputados vão oficializar o repasse em live com o governador Ratinho Júnior.

Romanelli disse que na quarta-feira (29), já assinou o primeiro cheque de R$ 50 milhões – como 1º secretário da Assembleia Legislativa, em nome de 54 deputados – para a compra imediata das vacinas assim que estiverem prontas e dispostas no mercado internacional.

“Na segunda-feira, faremos um ato com o governador Ratinho Junior, que é um termo de entendimento justamente dessa transferência de dinheiro que vai para o tesouro do Estado, para que o governo possa fazer a aquisição das vacinas. Será um recurso garantido desde já”, garante.

Leia Mais »

Uma penca graúda de adversários para Alvaro Dias


“Em 2014, Álvaro foi eleito com o reforço do seu cachorro (Hugo Henrique) no horário eleitoral com aproximadamente 80% dos votos. Em 2022 ele vai enfrentar adversários mais habilitados e não será fácil manter seu mandato. Além de novos pretendentes, como Sandro Alex, secretário de Infra-estrutura, despontam o vice Darci Piana, o chefe da Casa Civil, Guto Silva, estes da base de apoio de Ratinho Jr.

Há mais. Ricardo Barros, deputado federal e ex-ministro da Saúde está no páreo. Roberto Requião, inconformado com a derrota na última, pretende voltar. Há outros, menos votados. E a assombração para todos que é uma candidatura de Sergio Moro, que desde já lidera em todas as pesquisas.

Em julho, 66% das infecções e 60%
das mortes por Covid-19 no Paraná


A Covid-19 alcançou 50.152 paranaenses e vitimou 1.152 pessoas entre os dias 1º e 31 de julho, no recorte de data de diagnóstico ou ocorrência do óbito, segundo boletim epidemiológico publicado pela Secretaria de Saúde nesta sexta-feira (31). Esses números representam 66% do total de 75.300 casos e 60% das 1.899 mortes registradas desde o começo da pandemia no Paraná, em março. O mês também concentra os três piores indicadores de casos (2.538 no dia 30, 2.242 no dia 21 e 2.221 no dia 09) e de óbitos (59 no dia 21, 52 nos dias 20 e 28 e 46 no dia 06) em 24 horas. Apenas dois dias registraram índices menores do que 1.000 casos (930 no dia 26 e 248 no dia 31). O menor pico diário de mortes foi nesta sexta-feira, com 6 óbitos. A tendência, no entanto, é de aumento nos indicadores no dia 31 com a entrada das análises do final de semana.

A média móvel de casos é de 1.994 (acréscimo de 0,3% em relação aos últimos 14 dias) e de óbitos de 31,8 (decréscimo de 10,6% na comparação com duas semanas atrás). No comparativo da data de divulgação, julho concentra 52.707 casos e 1.263 óbitos. Nesse recorte, o mês representa 69,9% dos casos e 66% das mortes. Os dias com maior número de casos e de óbitos nesse indicador também foram de julho: 2.605 casos no dia 31 e 71 mortes no dia 29. A média móvel de casos é de 1.667 e de óbitos de 46.

Leia Mais »

Boca Aberta condenado
por propaganda ilegal


A 42ª Zona Eleitoral de Londrina condenou o deputado federal Emerson Petriv (Pros), que responde pelo codinome de Boca Aberta, por propaganda eleitoral antecipadaa e pesquisa de intenção de voto não registrada na Justiça Eleitoral. A queixa foi feita pelo Partido Liberal.

A Justiça considerou que outdoors em que o deputado aparece ao lado da esposa e do filho Boca Aberta Júnior, que é deputado estadual, caracterizam propaganda eleitoral antecipada, disfarçada de prestação de contas de seu mandato parlamentar.

O deputado tem três dias para retirar os outdoors, sob pena de multa diária de R$ 5 mil em caso de desobediência. As empresas de propaganda foram intimadas a informar quem produziu o conteúdo e pagou a exposição dos outdoors.

Boca Aberta também terá de retirar das redes sociais e demais veículos de comunicação, no prazo de 24 horas, pesquisa sobre intenção de voto para prefeito de Londrina. Ele é pré-candidato à Prefeitura, como atestou o despacho da Justiça Eleitoral. Se descumprir a determinação, será multado – o valor pode ultrapassar R$100 mil.

As duas decisões foram publicadas no final da noite de quinta-feira.

Curitiba tem novo recorde de mortes

O boletim divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde nesta sexta-feira (31) registra 24 novos mortes de moradores de Curitiba por covid-19. É o maior número divulgado em um boletim desde que foram registradas as primeiras mortes por covid-19 na capital, no dia 6 de abril. Com os novos registros, sobe para 548 o número de óbitos provocados pela doença.

As novas vítimas tinham idade entre 30 e 90 anos, sete eram mulheres e 17 eram homens. Dos novos óbitos, 18 ocorreram nas últimas 48 horas e os outros seis aconteceram entre os dias 20 e 29 de julho e aguardavam resultado dos testes. Todos os pacientes tiveram atendimento médico e estavam internados em hospitais públicos e privados. Sete pacientes tinham menos de 60 anos de idade e todos eles tinham comorbidades ou apresentavam fatores de risco para complicações da covid-19.

Leia Mais »

Mesmo com resistência do Congresso, Bolsonaro autoriza Guedes a testar ‘nova CPMF’

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) autorizou o ministro da Economia, Paulo Guedes, a defender a criação de um novo imposto nos moldes da antiga CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentações Financeiras).

Em conversa recente, relatada à Folha, o presidente disse que o ministro pode voltar a testar o apoio ao tributo em eventuais tratativas com deputados e senadores.

Nos bastidores, no entanto, Bolsonaro reconhece que dificilmente um novo imposto terá apoio no Poder Legislativo. E considera que a iniciativa, caso seja viabilizada, pode desgastar a imagem do governo. As informações são da Folha.

Leia Mais »

Pelo segundo dia seguido, Paraná tem recorde de novos casos e confirma 59 mortes pela covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou nesta sexta-feira (31) 2.605 novas confirmações e 59 mortes pela infecção causada pelo novo coronavírus. É o maior registro de casos confirmados entre um informe e outro. O Paraná acumula 75.300 diagnósticos positivos e 1.899 mortos em decorrência da doença. Há ajustes nos casos confirmados detalhados ao final do texto.

INTERNADOS – 1.273 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 estão internados hoje. 984 pacientes estão em leitos SUS (430 em UTI e 554 em leitos clínicos/enfermaria) e 289 em leitos da rede particular (110 em UTI e 179 em leitos clínicos/enfermaria).

Flexibilização do isolamento
começa a reduzir home office
pela primeira vez, diz IBGE

Cerca de 700 mil pessoas podem ter deixado o trabalho remoto e retornado ao emprego de forma presencial com a flexibilização do distanciamento social pelo Brasil, segundo dados divulgados pelo IBGE nesta sexta-feira (31).

Na divulgação referente à segunda semana de julho, o número de pessoas ocupadas que trabalhavam em casa diminuiu pela primeira vez, caindo de 8,9 milhões para 8,2 milhões, em comparação com a semana anterior.

Os números são da pesquisa Pnad Covid-19, que busca identificar os efeitos da pandemia no mercado de trabalho e na saúde dos brasileiros. A queda na população em home office foi de 11,6%.

Leia Mais »