Juiz manda prender Boca Aberta | Fábio Campana

Juiz manda prender Boca Aberta

Entornou o caldo. O juiz Katsujo Nakadomari, da Vara de Execuções Penais de Londrina, determinou a prisão, por 17 dias, do deputado federal Emerson Miguel Petriv (Pros), mais conhecido como Boca Aberta. O mandado de prisão foi expedido na última quinta-feira (26). A prisão deverá ser cumprida no regime semiaberto.

O mandado de prisão cumpre sentença condenatória, transitada em julgado, do 5° Juizado Especial Criminal de Londrina. Boca Aberta foi condenado por perturbação do sossego com base na Lei de Contravenções Penais.

A condenação é referente a uma confusão provocada Boca Aberta, quando ainda era vereador de Londrina, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jardim do Sol. O fato ocorreu no dia11 de janeiro de 2017.

Na noite daquele dia, Boca Aberta foi até a UPA alegando ter recebido denúncias sobre a demora no atendimento, que chegava a 14 horas. À Polícia Civil, ele disse apenas que agiu no exercício da função de vereador, pois foi fiscalizar o trabalho dos profissionais.

Ele assinou um termo circunstanciado por ter atrapalhado o andamento do trabalho dos profissionais de saúde e perturbação de sossego. O agora deputado federal foi condenado em primeira instância no dia 5 de março de 2018. Na sentença, a juíza Telma Regina Magalhães Carvalho considerou que a contravenção penal foi cometida por gritaria ou algazarra, o que ele nega. Boca Aberta recorreu da decisão,mas não obteve êxito.


Um comentário

  1. ímpio
    segunda-feira, 30 de novembro de 2020 – 17:36 hs

    Este cara é um imbecil bem como o filho dele, fico admirado como tem eleitor irresponsável, elege gente como esta dupla de bocas abertas, ou seja, gente que só sabe aprontar barraco e fazer escândalo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*