Fazenda Rio Grande terá que escolher entre progresso ou isolamento | Fábio Campana

Fazenda Rio Grande terá que escolher entre progresso ou isolamento

Fazenda Rio Grande já enfrentou situações adversas por conta das dificuldades de relacionamento entre seu prefeito com o governador e com o governo federal. Quando não há boa convivência entre o prefeito e os governos, quem sofre é o município e sua população.

Pois nesta eleição temos dois candidatos. doutor Nassib, que tem como aliado e mentor um único político, que é Toninho Wandscheer, o ex-prefeito que fez a cidade mudar em favor de seus negócios imobiliários. Ninguém mais de expressão no governo estadual ou federal apoia a sua candidatura.

De outro está o Chico Santos, ex-prefeito que tem apoio explicito e entusiasmado do governador Ratinho Jr e toda a sua administração. Tem também o apoio do líder do governo na Câmara, Ricardo Barros, homem de quem o presidente Bolsonaro depende para encaminhar seus projetos. É claro que Barros é quem pode abrir as portas do governo federal para Chico Santos e seus projetos para a cidade. Com ratinho Jr e Ricardo Barros, Chico Santos reúne uma frente de deputados estaduais, federais, secretários de Estado, ministros que podem ajudar o município.

A escolha do prefeito de Fazenda Rio Grande está nessas alternativas. Quem decide é o eleitor.


2 comentários

  1. Junior szadkoski
    terça-feira, 10 de novembro de 2020 – 22:16 hs

    Ué esses dias falava bem no nassib…. Agora do chico… Quanto levou ????

  2. Marcelino
    terça-feira, 10 de novembro de 2020 – 22:21 hs

    Esta de brincadeira qual governador criou dificuldades para a Fazenda? O Beto Richa? Aliás, quem mais aprovou loteamentos e condomínios em Fazenda Rio Grande foi o Chico Santos e o Marcio Wosniack, loteamentos inclusive próprios e das suas famílias!
    Fora os loteamentos do Jorge Atherino que foi preso junto com o Beto Richa!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*