Paulo Opuszka promete descongelar planos de carreiras | Fábio Campana

Paulo Opuszka promete descongelar planos de carreiras

PT apresenta professor para a disputa pela Prefeitura de CuritibaO candidato do PT à prefeitura de Curitiba, Paulo Opuszka, aproveitou hoje a comemoração do dia do professor, para prometer a revogação da lei proposta pelo prefeito Rafael Greca (DEM) e aprovada pelos vereadores que congelou os planos de carreiras dos servidores públicos municipais de Curitiba. “Temos de acabar com o absurdo instituído pela administração atual. É inadmissível uma administração e base aliada que lidem com truculência e com a ajuda da polícia contra essa categoria. Esses profissionais nos ensinam a pensar, a dialogar. Devemos utilizar esses aprendizados”, diz Opuszka.

O candidato – que é professor universitário – diz que o “descaso dos governos municipal, estadual e federal com a educação” tem reduzido a importância dos profissionais da área na formação dos cidadãos. “Ser professor é passar madrugadas corrigindo provas, é estar preocupado com a saúde mental dos alunos, é trabalhar com cultura pra ampliar os saberes dos alunos. É trabalhar muito além da jornada e estar sempre planejando um novo começo”, pontua. “Mas é também ser responsável por formar cada um dos cidadãos e isso precisa ser valorizado”, emenda.

Opuszka lembra que em Curitiba a rede municipal de ensino tem 70% de seu quadro formado por mulheres. “Profissionais que muitas vezes precisam deixar suas próprias famílias um pouco de lado porque carregam o ensino fundamental nas costas”, diz. As informações são do Bem Paraná.


2 comentários

  1. Jorge Hardt Filho
    quinta-feira, 15 de outubro de 2020 – 21:29 hs

    É fácil porque não é com o salario dele. É com o nosso

  2. Jorge Hardt Filho
    sexta-feira, 16 de outubro de 2020 – 10:30 hs

    O povo, os desempregados que passem fome; os funcionários públicos em em primeiro lugar, principalmente os não concursados.
    Próprio de petistas

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*