Decisão do TRE confirma a candidatura de Mac Donald em Foz do Iguaçu | Fábio Campana

Decisão do TRE confirma a candidatura de Mac Donald
em Foz do Iguaçu

Desembargadores recusaram recursos do Ministério Público e da coligação de Chico Brasileiro, atual prefeito e principal opositor de Paulo

Os desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná, por maioria, negaram provimento aos pedidos de impugnação do registro da candidatura de Paulo Mac Donald Ghisi (Podemos), formulados pelo Ministério Público e pela coligação encabeçada pelo atual prefeito Chico Brasileiro. A votação aconteceu nesta terça-feira, 27 de outubro, em Curitiba. Ao contrário do que aconteceu em 2016, a decisão de colegiado, por 4 votos a 2, consolida a vitória de Mac Donald em segunda instância. A candidatura fica oficializada no TRE como deferida e, se eleito, assumirá o cargo de prefeito de Foz do Iguaçu.

Os pedidos de indeferimento do registro já haviam sido rejeitados pelo juiz eleitoral de Foz do Iguaçu. O magistrado considerou que Paulo, além de poder ser candidato, também está apto a tomar posse e governar, caso vença a eleição. Porém, inconformados com a sentença de primeira instância, a Promotoria e Chico Brasileiro, numa estratégia para tumultuar as eleições e confundir os eleitores, insistiram em argumentos já vencidos pela justiça levando o caso para a segunda instância.

O relator deu voto favorável ao Paulo e foi acompanhado por outros três membros do TRE. Em sua argumentação, o relator afirmou que os motivos que tornavam Paulo inelegível em 2016 não mais existem, portanto, sua candidatura é viável e legal. Ao fim das manifestações o presidente do TRE disse que “por maioria de votos a corte reconheceu e negou provimento a ambos os recursos mantendo-se integralmente a sentença que julgou improcedente as impugnações e, de consequência, deferiu a candidatura do recorrido (Paulo Mac Donald)”, concluiu o presidente do TRE desembargador Tito Campos de Paula.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*