Os tucanos vão apoiar Francischini | Fábio Campana

Os tucanos vão apoiar Francischini

Pois, pois, o tucanato nativo quer aliança com o PSL, que foi e pode voltar a ser partido de Jair Bolsonaro. Em Curitiba vai apoiar o delegado Fernando Francischini para prefeito. Os tucanos chegaram a pensar em candidatura própria, com Edson Lau na cabeça de chapa. Mas é consenso dentro no ninho que devem pular esta eleição, pois a sigla está manchada e com dificuldades para tentar voo próprio. Toda a equipe de comunicação ligada diretamente a Beto Richa já está na campanha de Francischini, aberta ou veladamente, para não criar rejeições. O marqueteiro será Marcelo Cattani.

Por estar nessa situação perdeu musculatura. O partido não tem nenhum vereador em Curitiba. Os três que se elegerem em 2016 deixaram a sigla na janela eleitoral (Serginho do Posto foi para o DEM, Beto Moraes para o PSD e Thiago Ferro PSC) . Agora, os tucanos pretendem eleger até dois vereadores. Em 2016, o PSDB curitibano apoiou Rafael Greca e indicou o vice, Eduardo Pimentel, que em abril último deixou o partido e se filiou ao PSD de Ney Leprevost.

O apoio do PSDB à candidatura Francischini foi costurado pela cúpula nacional do partido que assegurou alianças com o PSL em Porto Alegre (RS) e Teresina (PI). Assim,os tucanos apoiam o candidato do PSL em Curitiba e têm o apoio do partido aos seus candidatos nas duas capitais,


3 comentários

  1. Marcele Ribas
    quinta-feira, 10 de setembro de 2020 – 12:24 hs

    Vai ter Tico tico, bomba e bala de borracha…. tudo a ver

  2. Abismado
    quinta-feira, 10 de setembro de 2020 – 14:36 hs

    Interessante, quem vota Francesquini, vota Richa outra vez.

    Quem vai querer repetir este fiasco.

  3. Pensei em ir
    quinta-feira, 10 de setembro de 2020 – 16:50 hs

    Se vai contar com a velha politica do grupo de Beto Richa não vai mudar.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*