Incêndio ambiental de grandes proporções é registrado em área de parque na RMC | Fábio Campana

Incêndio ambiental de grandes proporções é registrado em área
de parque na RMC

Bem Paraná – Um incêndio ambiental de grandes proporções foi registrado na tarde desta terça-feira (28 de mjulho) na região metropolitana de Curitiba. A ocorrência, que teve início por volta de 13h30, segue em atendimento pelo Corpo de Bombeiros, que luta para controlar as chamas registradas em uma vegeração no limite entre as cidades de Curitiba e São José dos Pinhais, numa área que faria parte do Parque Centenário da Imigração Japonesa.

Historicamente, os meses de julho, agosto e setembro são aqueles que concentram o maior número de ocorrências de incêndios no Paraná – praticamente quatro em cada dez incêndios no estado acontecem nesta época do ano.

De acordo com os bombeiros, os incêndios ambientais podem ser causados por fatores da natureza (incidência de raios e combustão espontânea) ou pela ação do homem (queimadas para limpeza de terrenos destidas ao plantio, fogueiras para acampamento, incêndios criminosos ou simplesmente pelo descuido de jogar uma bituca de cigarro em local inapropriado). O sistema de Previsão de Risco de Fogo, inclusive, aponta que há risco de incêndios ambientais em aproximadamente 60% de todo o território paranaense.

Por isso, o alerta e orientação é para que a população tome os cuidados necessários para esse período de clima mais seco e ventos fortes, com o objetivo de prevenir ocorrências assim. Dentre as medidas listadas pela corporação estão a recomendação para não utilizar queimadas para a limpeza de terrenos baldios; não jogar lixo em terrenos baldios; não jogar bitucas de cigarro na beira das estradas ou jogar em lugar inapropriado durante passeios em meio amata; e não fazer fogueiras durante caminhadas ou acampamentos.

Incêndio em vegetação no Paraná
(1º de janeiro a 28 de julho)

2020: 6.261
2019: 5.490
2018: 5.510

Fonte: Sistema Digital de Dados Operacionais do Corpo de Bombeiros do Parnaá (SYSBM-CCB)


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*