"Esse choque vai arrebentar todos nós", diz Paulo Martins | Fábio Campana

“Esse choque vai arrebentar
todos nós”, diz Paulo Martins


As manifestações do último domingo (31/05), pró e contra o presidente Jair Bolsonaro, o STF e o inquérito das fake news inflamaram ainda mais os ânimos dos apoiadores e dos opositores do governo.Os confrontos que aconteceram nas ruas de algumas cidades, se repetiram nas
redes sociais. Em meio à guerra das ruas e da internet, o deputado federal Paulo Eduardo Martins (PSC-PR), faz uma análise bastante
equilibrada: “O Brasil está como um navio em alto mar em que a tripulação decidiu incendiá-lo por não gostar do capitão. O fundo do mar
abrigará a todos”.

Nos últimos dias, o parlamentar, que é presidente do PSC do Paraná, já vinha usando suas redes sociais e espaços em entrevistas para alertar que essa não é a hora de radicalizar as coisas. “O que chama a atenção é que estamos no meio de uma pandemia e parece que tem gente que só quer inflamar e luta pelo pior. Diante do cenário atual, me parece que o discurso nunca foi sobre saúde e cuidado com a vida das pessoas, sempre foi uma questão política”.

Para Paulo Eduardo Martins, ferrenho defensor das liberdades
individuais e da democracia, fica claro que as coisas não andam bem.
“Estamos todos acelerando uns contra os outros. Esse choque vai
arrebentar todos nós. Ou tiramos o pé, ou teremos o caos”.


7 comentários

  1. Gustavo Henrique
    segunda-feira, 1 de junho de 2020 – 22:43 hs

    Esse deputado Paulo Martins, nem devia opinar, pois ele é um bate pau do responsável por isso sr Bolsonaro…

  2. OTIMISTA
    terça-feira, 2 de junho de 2020 – 7:46 hs

    É um dos políticos atuantes e com bom senso neste cenário político e de saúde desastrosa que o país enfrenta.

  3. SERGIO SILVESTRE
    terça-feira, 2 de junho de 2020 – 9:44 hs

    Essa legislatura promoveu a maior escoria de deputados fascistas,esse ai não vale o feijão que come,aqui em Londrina tem um tal de Felipe Barros que é da mesma linha.
    Esse imbecil quer por a culpa no povo,então põe a culpa nos 57 milhões de asnos como voce que votou nessa tralha.

  4. Fiora Neto
    terça-feira, 2 de junho de 2020 – 9:44 hs

    👏👏👏 pelo menos alguém com bom senso … o nosso grande problema é que por falta de opção – elegemos um cidadão – de quem esperávamos muito e que tem quase nada para entregar… muito menos inteligência e serenidade… vemos hoje classes profissionais se manifestando contra os gritos anti democráticos e ameaçadores do déspota (pretenso), outras pelos absurdos praticados em ministérios de qualificação específica, com ex o da saúde – onde em todo o 2do escalão não tem um profissional de medicina qualificado… ou seja, ou segue a cartilha do quadrúpede mor ou e’ comunista …
    Precisamos de alguém centrado, que lidere com sabedoria mínima – mas que apazigue os ânimos, estamos em uma pandemia, de saúde e econômica,,,, e quem sabe agora mental… que Deus nos salve… 🙏🏿🙏🏿🙏🏿

  5. lika
    terça-feira, 2 de junho de 2020 – 12:50 hs

    O problema é que o mandatário do país, esta fazendo isso todo final de semana. aí os baderneiros tbm saíram da toca. ele está dando exemplo de desordem e desarmonia entre os poderes e as pessoas. quem paga a conta é os comerciantes e outras pessoas que tiveram seus bens depredados.

  6. Carvalhoseng
    terça-feira, 2 de junho de 2020 – 17:52 hs

    Esse Paulo Martins utilizou muuuuiiiitttooooo dinheiro público na sua campanha e agora vem posar de bonzinho. Puro tralha. Queria ver esses caras fazer campanha na sola do sapato e sem dinheiro do imposto pago pelo povo. Deus tá vendo viu.

  7. José Geraldo Vasconcelos
    terça-feira, 2 de junho de 2020 – 19:01 hs

    E se o Capitão estiver afundando o navio, a tripulação tem a obrigação de trocar o capitão por incompetência, salvando assim a própria tripulação e os passageiros…..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*