Câmara aprova aumento de desconto de servidores e suspensão de repasses da prefeitura à previdência | Fábio Campana

Câmara aprova aumento de desconto de servidores e suspensão de repasses da prefeitura à previdência

Por 21 votos a 11, e em meio a bate-boca entre vereadores e protestos do funcionalismo, a Câmara Municipal de Curitiba aprovou hoje, em primeiro turno, projeto do prefeito Rafael Greca (DEM) que aumenta de 12,5% para 15% o desconto nos salários dos servidores públicos da Capital para a previdência. Ao mesmo tempo, os parlamentares aprovaram, ainda, substitutivo do prefeito ao projeto original encaminhado de última hora, na noite de domingo (28) pelo Executivo à Casa, que suspende por um ano os repasses da contribuição patronal ao o Instituto de Previdência dos Servidores de Curitiba (IPMC).

Vereadores de oposição e do bloco independente criticaram a prefeitura por ter enviado o substitutivo às vésperas da votação, impedindo uma discussão mais profunda da proposta. Servidores fizeram um protesto em frente à sede da Câmara contra as propostas, além de uma manifestação virtual, já que as sessões estão sendo realizadas remotamente, sem a presença de público. As informações são do Bem Paraná.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*