Witzel: "A interferência anunciada pelo presidente está oficializada" | Fábio Campana

Witzel: “A interferência anunciada pelo presidente está oficializada”

A assessoria de Wilson Witzel enviou a O Antagonista a seguinte nota, na qual o governador do Rio de Janeiro comenta a Operação Placebo, que realizou busca e apreensão em doze endereços, incluindo sua residência oficial, a casa onde morava antes de ser eleito e o escritório em que atua sua esposa:

“Não há absolutamente nenhuma participação ou autoria minha em nenhum tipo de irregularidade nas questões que envolvem as denúncias apresentadas pelo Ministério Público Federal. Estranha-me e indigna-me sobremaneira o fato absolutamente claro de que deputados bolsonaristas tenham anunciado em redes sociais nos últimos dias uma operação da Polícia Federal direcionada a mim, o que demonstra limpidamente que houve vazamento, com a construção de uma narrativa que jamais se confirmará. A interferência anunciada pelo presidente da república está devidamente oficializada. Estou à disposição da Justiça, meus sigilos abertos e estou tranquilo sobre o desdobramento dos fatos. Sigo em alinhamento com a Justiça para que se apure rapidamente os fatos. Não abandonarei meus princípios e muito menos o Estado do Rio de Janeiro”.


9 comentários

  1. Palpiteiro
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 9:59 hs

    A desculpa do mau comedor é o pé da cama quebrado…

  2. Edson Luiz
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 10:09 hs

    Bolsonaro deveria dar uma resposta a altura e abrir todo e qualquer sigilo que tenha…. celular, fiscal, tributário, bancário… será que ele toparia?
    De cara já desbanca até o Lula como homem mais honesto do Brasil.
    Vamos lá boizada, digo bolsonaristas,vamos apoiar o presidente a entregar todos os seus dados.

  3. terça-feira, 26 de maio de 2020 – 11:14 hs

    Declarou estado de calamidade publica ,para nao precisar fazer concorrência,uma casa de vinho serve para iluminar acabela do Governdor,enquanto o povo morre nas ruas d fome e de doenças e o vírus Corona,vamos roubar e roubar,isto acontece em muitas cidades e muitos estados,Isto e Justica de Deus

  4. revoltis
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 11:15 hs

    AGORA A POLICIA DEDERAL TA FAZENDO SEU REAL SERVIÇO.
    MORUS SEGURAVA OS CORRUPTOS A SERVIÇO DA ESQUERDA.

  5. jose
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 15:58 hs

    Mas como o Rio de Janeiro é destroçado, pensei que um juiz iria passar esse Estado a limpo, pelo que vejo segue o mesmo sistema anterior, onde os adeptos do encantador de Jumentos (militontos), mandava e continua mandando, naquele Estado onde o vírus da corrupção é mais forte do que o COVID-19.

  6. Freddy Kruger
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 16:05 hs

    O que realmente me preocupa na fala do Witzel, são suas ultimas declarações: “Não abandonarei meus princípios e muito menos o Estado do Rio de Janeiro”. Isto quer dizer que continuará enganando o povo e se lucupretando nos cofres públicos ! Cara de pau !

  7. Luiz Eduardo Kossatz Hunzicker
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 18:35 hs

    Ao que parece, esta crise coloca o executivo, o legislativo e o júdiciaria em rota de colisão, cada um visando o outro alvo de patadas, mas a indepencência entre os 3 e abominável. Deus vai encontrar um bom lugar para vocês. E o povo sofrido penando , pisoteado , assistindo BBB , novelas com temas e impróprios em larga escala, com LGBT, namoro e sexo entre o casal de mesmo sexo em plena alegria de viver. *

  8. INDIGNADO
    quarta-feira, 27 de maio de 2020 – 3:25 hs

    Caso comprovadas as irregularidades, e CORRUPÇÃO DESLAVADA no seu governo, espero que SAIA PRESO do seu palácio de lama.

  9. SERGIO SILVESTRE
    quinta-feira, 28 de maio de 2020 – 15:57 hs

    Está lascado esse governador, sócio do Sergio Cabral.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*