'Moro, o Valeixo sai nessa semana. Está decidido', escreveu Bolsonaro | Fábio Campana

‘Moro, o Valeixo sai nessa semana. Está decidido’, escreveu Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro escreveu, em mensagem enviada em 22 de abril ao então ministro da Justiça, Sergio Moro, que estava “decidido” que o então diretor-geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, deixaria a chefia da corporação naquela semana.

As mensagens foram reveladas pelo jornal O Estado de São Paulo e integram o inquérito presidido pelo ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Celso de Mello que investiga se Bolsonaro interferiu na Polícia Federal para ter acesso a investigações –conforme acusou Moro.

Bolsonaro enviou as mensagens ao então ministro pelo WhatsApp, às 6h26 de 22 de abril. “Moro, o Valeixo sai nessa semana. Isto está decidido. Você pode dizer apenas a forma. A pedido ou ex oficio [sic]”, escreveu.

O ex-juiz da Lava Jato respondeu às 6h37. “Presidente, sobre esse assunto precisamos conversar pessoalmente. Estou ah disposição para tanto“, disse Moro.

A troca de mensagens foi retirada do celular do ex-ministro, que entregou o aparelho ao prestar depoimento no inquérito que investiga a suposta interferência de Bolsonaro na PF, em 2 de maio.

Deputados pediram a Celso de Mello que determine também a apreensão do aparelho celular de Bolsonaro. O ministro encaminhou o pedido para manifestação da PGR (Procuradoria Geral da República). Bolsonaro, no entanto, afirmou nessa 6ª feira (23.mai.2020) que não entregará seu celular mesmo se houver decisão judicial nesse sentido.

– Informações do Poder360.


Um comentário

  1. PIMENTA PURA
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 8:00 hs

    E daí !? Nada demais…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*