Circo de horrores | Fábio Campana

Circo de horrores

por Fábio Campana

Deixemos o linguajar chulo do presidente Jair Bolsonaro e seus ministros amestrados, com xingamentos e palavrões que fariam corar qualquer leão de chácara de bordel do baixo lenocínio, e nos concentremos nas revelações que o vídeo da reunião ministerial de 22 de abril nos oferece. É muito preocupante. Tem pólvora suficiente para deixar de cabelo em pé qualquer cidadão com vocação democrática.

O ministro da Educação Abraham Weintraub afirmou que gostaria de mandar “vagabundos para cadeia, a começar pelo STF”. Ricardo Salles, do Meio-Ambiente, sugeriu aproveitar o “momento de tranquilidade” em que a imprensa está voltada à Covid-19 para “ir passando a boiada”, mudando normas para satisfazer interesses anti-ambientais do agronegócio.

Paulo Guedes, que gostaria de vender a “porra” do Banco do Brasil logo, só se calou quando Bolsonaro disse que só vai falar disso em 2023, depois das eleições. E Damares Silva ameaça até prender governadores e prefeitos, mentindo sobre a extensão do decreto pró-isolamento do governador do Piauí, Wellington Dias.

Um circo de horrores. Mas nada é tão terrível quanto a exposição do que pensam esses senhores sobre a liberdade. No dicionário do presidente, liberdade tem um significado maligno. Está associada à devoção e só pode ser desfrutada por quem segue suas ideias. Bolsonaro a entende como combate renhido à civilização, à sociedade organizada, às leis de convívio, contra as quais é necessário guerrear com todas as armas.

A reunião não deixou dúvidas quanto ao descaso com a população diante da pandemia. Nenhuma providência efetiva para proteger os cidadãos do flagelo e o descaso com a vida de milhares dos brasileiros, confirmados na reincidência de Bolsonaro ao sair no domingo para confraternizar com a malta que o apoia pelo fim do isolamento social para evitar a rápida expansão do coronavírus.

Ou seja, Bolsonaro e sua trupe defendem a barbárie, o olho por olho, uma terra onde cidadãos reajam à bala quando se sentirem lesados, inclusive diante das restrições impostas pela Covid-19, que possam sair atirando no prefeito que exigir confinamento. “O povo armado jamais será escravizado”, bradou ao defender o armamento escancarado da população. Soou a ameaça e deboche. É uma versão troglodita das palavras de ordem “o povo unido jamais será vencido”, usadas nos protestos contra a ditadura.

Bolsonaro se assemelha a antigos governantes de sua cepa, como Hitler e Mussolini, inclusive no discurso em que repete frases que parecem saídas da boca do Duce. É da mesma catadura de outros ditadores contemporâneos que usaram a democracia para se eleger e, em seguida, a distorceram e usaram para realizar seus projetos de permanência no poder. Sem escrúpulos, nenhum pudor, agora apela para a banda podre, negociando cargos em troca de apoio a um possível processo de impeachment. Uma turma da velha política com a qual Bolsonaro conviveu alegremente por quase três décadas. Que, como ele bem sabe, custa caro. Mas pode ser importante no planejamento de uma aventura que pode nos levar a desgraça ditatorial.


19 comentários

  1. Palpiteiro
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 18:43 hs

    Se tirarmos o vocabulário chulo não seria Bolsonaro que estaria lá. Lula não falava (muitos) palavrões em público, mas, falava todos em particular e pior, roubava e deixava roubar, com palavras doces. Vamos acordar e deixar de lorotas. Estamos no Brasil que elegeu Bolsonaro, que era bem conhecido, que falava palavrões e outras coisas chulas desde priscas eras. Sarney é da ABL e deixou o país em frangalhos. Entregou um Brasil falido e mal pago. FHC é culto e letrado mas criou a reeleição, mãe de todos os males desta republiqueta bananeira tropical. Não nos iludamos: bananeira não dá caqui.

  2. JURACI ANTONELLI
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 19:15 hs

    muito exagero nas falas do Presidente, não é o melhor, mas certamente o mais correto e mais empenhado num Brasil melhor, sem as pilantragens dos últimos anos. vamos deixar o cara governar e encher menos o saco

  3. johan
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 19:20 hs

    Caro Fábio, sua manifestação de hoje é um espanto, pela somatória das colocações. Atenciosamente.

  4. johan
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 19:22 hs

    Caro Fábio, esse texto é um espanto, lendo o consolidado das suas expressões. Atenciosamente.

  5. Revoltis
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 19:54 hs

    Pode chorar a vontade de. Fábio campana mas Bolsonaro será reeleito.
    Bolsonaro é honesto integro ao contrário dos políticos corruptos e da imprensa mercenária.
    Somos maioria e se preciso vamos pra rua não so pra protestar mas para a guerra.
    Deveria o Sr. Ler mais sobre Hitler Mussolini e Stálin que foram os maiores genocidas da humanidade.
    Bolsonaro não vai dar dinheiro pra imprensa ou se corromper comk fez o sr sergio ou sr. Mandeta.
    Chega de pt chega de psdb.
    Bolsonaro é massacrado por honesto por se preocupar com o povo mas para vcs jornalistas o importante é a tragédia desgraça e a corrupção.
    Hj não dá mais notícia.
    O povo acordou do pesadelo.

  6. Isaias Andrade
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 20:41 hs

    Voce fala do “linguajar chulo” do Presidente ! Voce esqueceu das suas brigas com o Requião quando voce era secretário dele, não lembro direito mas parece que era de comunicações ? è voz corrente nos corredores palacianos que voces entraram na porrada e quebraram todo o gabinete do governador , não sei se é verdade esta história, mas voce pode confirmar ou desmentir. Sua coluna já foi melhor !

  7. NÃO VOTE EM QUEM JÁ FOI
    segunda-feira, 25 de maio de 2020 – 21:47 hs

    Sem escrúpulos e nenhum pudor foi a criação do Ferreirinha, que o Naninho, antes de morrer me confidenciou quem foi o autor.

  8. VISIONÁRIO
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 6:08 hs

    Não acho… simplesmente no caminho correto. Alguem reclamou dos trilhões que a turminha do PT nos roubaram !? É muita hipocrisia.

  9. Jura
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 10:05 hs

    Cadê meu comentário. Que parcialidade é essa???

  10. Pedro Pedreira
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 11:35 hs

    Fabio, vc com tantos anos de “janela” na política consegue enxergar com clareza os perigos das palavras de presidente.
    Acrescento que tais declarações do presidente quando fala em armar a população se parece mais com as estratégias de Mao Tse Tung quando da revolução cultural que armou seus asceclas para impor seus propósitos.

  11. SERGIO SILVESTRE
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 11:35 hs

    Sem mencionar os coadjuvantes do “inferno’temos no trono ardente um diabo idiota tutelado por dois demônios com poder de fogo eterno.
    São eles ,General Heleno de biografia de esgoto,onde foi braço de Silvio Frota,um fascista golpista que achava o Geisel um comunista,por que não tinha feito fornos crematórios nem campos de concentração. Nesse tempo o Bolsonaro se rebelava contra tudo e todos,ameaçava envenenar agua de reservatórios ecolocar bombas em quarteis.
    Do outro lado do trono ele tem o Braga Neto,pra quem não sabe ,ele foi naquela intervenção militar no RJ um protetor das milicias ,metralhava civis e nunca deu um tiro num “miliciano.
    Esse é o retrato do Brasil,estado policial,os desafetos do presidente terão a PF nos calcanhares,acabou lava-jato,Dalagnois e Moros,volta o centrão e a roubalheira para aqueles que por anos acharam que os filhos do Lula eram milionários,vão sentir na pele o que é um governo fascista.
    Aquilo que pregavam da Venezuela,vai acontecer aqui,ele pretende armar 30% de fanáticos seguidores e formar um cinturão de proteção aos seus devaneios;.;POBRE BRASIL.

  12. Isaias Andrade
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 14:57 hs

    Porque não publica meu comentário enviado ontem 25/05/2020 ? Estranho !!!!!!!

  13. NÃO VOTE EM QUEM JÁ FOI
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 15:31 hs

    Jura, o meu comentário também não foi publicado.

  14. NÃO VOTE EM QUEM JÁ FOI
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 15:52 hs

    SS, bunda tatuada. Para teu conhecimento segue o curriculum do General Heleno.
    Formado na AMAN – Academia Militar das Agulhas Negras, turma de 1969 – Aspirante Oficial de Cavalaria. Classificação : 1o.lugar.
    Fez o aperfeiçoamento de Oficiais. Classificação : 1o. lugar
    Fez pós graduação na ECEME – Escola de Comando do Estado Maior do Exército. Classificação : 1o. lugar.
    Possuidor da Medalha Marechal Hermes ´Tríplice Coroado (três vezes 1o. lugar).
    Integrou a Missão Militar Brasileira de Instrução no Paraguai.
    Comandou a EsPCEx – Escola Preparatória de Cadetes do Exército.
    Foi adido Militar Brasileiro em Paris, França.
    Como Oficial General :
    Comandou a 5a. Brigada de Cavalaria Blindada.
    Comandou o Centro de Capacitação Física do Exército.
    Chefe do Centro de Comunicação Social do Exército
    Chefe do Gabinete do Comandante do Exército
    Foi o 1o. Comandante Militar da MINUSTAH – Missão das Nações Unidas para a estabilização do Haiti. Tropa constituída pela ONU com 6.250 militares de 13países.
    Comandante do CMA – Comando Militar da Amazônia.
    Chefe do DCT -Departamento de Ciência e Tecnologia do Exército.
    Passou para a reserva em 2011 após 45 anos de serviços prestados ao Exército Brasileiro.
    Nasceu em Curitiba – Pr.
    Que tal, o curriculum dele não está parecido com o do teu ídolo, o carniça?

  15. Freddy Kruger
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 16:25 hs

    Parece que Fabio Campana também se vendeu aos apelos da oposição e da corrupção deslavada que acontecia anteriormente. Tudo que você disse é papo furado. O que “O Sistema” quer é permanecer como sempre era antes. Todo mundo era desbocado, mas as benesses falavam mais alto !
    Espero que sejam publicados os comentários acima reclamados, ou só importa aqueles que se coadunam com seu pensamento ? Leio a sua coluna, não pela sua competência, que a cada dia parece minguar e com memória curta, mas só para ver até onde chega o ser humano em sua corrida pela fama e para , a seu contra gosto, te contrariar, pois suas idéias antiquadas e a favor da corrupção, como tudo que acontecia antes !

  16. Luiz Dernizo Caron
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 17:08 hs

    Um das melhores crônicas que já li sobre a malfadada reunião ministerial. Vc bem lembrou … parecia uma das reuniões dos baderneiros nazistas nas cervejarias de Munich. A diferença foi a cidade – Brasilia, e a cervejaria – Planalto. Os impropérios, a canastrice, os amestrados, com diferenças na escala cognitiva, que lá era bem maior do que a da qui. Parabéns pelo vislumbre lógico e racional.

  17. SERGIO SILVESTRE
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 22:18 hs

    Ao anonimo acima que colocou o curriculun do heleno com letras minusculas,Se lembra daquele miliciano sicário morto pelos policiais baianos?Pois é o curriculun dele era maior que o do heleno,inclusive com medalhas de honra dadas pelo filho do Bolsonaro.
    CARA,ISSO AI É UMA CAMBUIA DE PICARETAS E VOCE DEVE SER TAMBÉM UM DELES.

  18. SERGIO SILVESTRE
    terça-feira, 26 de maio de 2020 – 22:19 hs

    Ao Fred Fruguer,como é que vamos ler comentários de imbecis que nem seu nome coloca,voce mesmo não seria um “robô” da turma do bozo?

  19. Bernardo Rzeznik
    quarta-feira, 27 de maio de 2020 – 19:08 hs

    Você deve ter uma faixa no braço com a cruz gamada
    Você deve ser um fervoroso da turma do p.t. que adora liiteratos com F.H.C.ou iletrado ladrão como Lula e a
    revolucionária Dilma.
    Vai pra Cuba ou Venezuela ou melhor vá bora China, Whuan espalhar este teu vírus, talvez você se
    torne um herói e fique por lá mesmo hahahahah kakáka

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*