"Goebbolsonarista" | Fábio Campana

“Goebbolsonarista”

Um dos mais conhecidos jornais da Europa, o francês Le Monde cunhou a expressão “Goebbolsonarista” para se referir a Roberto Alvim e ainda diz que ele não é o único personagem controvertido, para não dizer outra coisa, a ocupar cargos de alto escalão no governo de Bolsonaro. E lembra episódios com Rafael Nogueira (Biblioteca Nacional) que disse que Caetano Veloso era responsável pelo analfabetismo no Brasil e Dante Mantovani (Funarte) que acreditava que “o rock ativa drogas, sexo, aborto e satanismo”.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*