Bolsonaro demite secretário que parafraseou ministro de Hitler | Fábio Campana

Bolsonaro demite secretário que parafraseou ministro de Hitler

Eis a íntegra da nota do governo, em que comunica o desligamento do Secretário de Cultura:

“NOTA

– Comunico o desligamento de Roberto Alvim da Secretaria de Cultura do Governo. Um pronunciamento infeliz, ainda que tenha se desculpado, tornou insustentável a sua permanência.

– Reitero nosso repúdio às ideologias totalitárias e genocidas, bem como qualquer tipo de ilação às mesmas.

– Manifestamos também nosso total e irrestrito apoio à comunidade judaica, da qual somos amigos e compartilhamos valores em comum.

Presidente Jair Bolsonaro”


Um comentário

  1. Doutor Prolegômeno
    sexta-feira, 17 de janeiro de 2020 – 15:42 hs

    O Brasil é um país definitivamente perdido em divagações sobre imbecilidades incomensuráveis. Um país pasmado, apalermado, mergulhado em discussões estéreis e histéricas sobre o passado e seus fantasmas. O Brasil jamais deixará seu destino manifesto de republiqueta bananeira tropical ao molho pardo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*