Em 2019, Onyx tocou 'agenda de candidato' no Rio Grande do Sul | Fábio Campana

Em 2019, Onyx tocou ‘agenda de candidato’ no Rio Grande do Sul

Cada vez mais desgastado e sem funções relevantes no Palácio do Planalto, Onyx Lorenzoni, tratou de pegar o rumo de casa em 2019. As informações são de Pedro Carvalho na Veja.

Com a postura de quem trabalha para disputar algum cargo no Rio Grande do Sul, seu reduto político, o ministro viajou 12 vezes ao estado, passando nessas incursões por sete cidades diferentes, todas estratégicas para um potencial candidato ao governo gaúcho.

A frequência de viagens e a variedade de destinos dentro do estado fez os colegas de palácio de Onyx acreditarem que ele trabalha mesmo por outro projeto político, que não o do Planalto.

Em 2020, a turma de Jair Bolsonaro torce para que o ministro decida voltar ao Congresso, reassumir o mandato e deixar o cargo para outro “bolsonarista mais alinhado” ao olavismo palaciano.


3 comentários

  1. JM
    sábado, 28 de dezembro de 2019 – 14:13 hs

    Já vai tarde, o próximo Guedes.

  2. bs
    sábado, 28 de dezembro de 2019 – 21:11 hs

    Acho não consegue se reeleger, a onda Bolsonaro já esta passando.

  3. domingo, 29 de dezembro de 2019 – 13:03 hs

    É UM CARA COMPETENTE HONESTO..VAI SER MUITO ÚTIL COMO GOVERNADOR DO RS,,ELE É MELHOR QUE MUITOS..QUE SE DIZEM POLITICOS INTERESSADOS EM FAZER MELHORIAS PARA O POVO…EU O CONHEÇO E ASSINO EMBAIXO..TEM UM FUTURO POLITICO PROMISSOR………………..VAI FIRME CONTERRANEO……SUCESSO PRA VOÇE……………………

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*