'Está na hora de Curitiba regulamentar os polos gastronômicos', afirma Abrabar | Fábio Campana

‘Está na hora de Curitiba regulamentar os polos gastronômicos’, afirma Abrabar

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara de Vereadores de Curitiba aprovou na última semana projeto de lei que regulamenta o polo gastronômico do Petit Batel na capital paranaense. A iniciativa, na avaliação da Associação Brasileira de Bares e Casas Noturnas (Abrabar), vai “entolar” mais a vida dos empreendedores do local.

“Já existem mais de 10 polos gastronômicos aprovados, mas nenhum regulamentado na cidade”, afirma Fábio Aguayo, presidente da Abrabar. “Está na hora dos vereadores e prefeitura parar de jogar para a torcida e colocar em prática a regulamentação e a efetividade da proposta, principalmente as melhorias e iniciativas que visem a essência dos polos”, completa.

A CCJ é formada pela presidente Julieta Reis (DEM) e Osias Moraes (Republicanos), Alex Rato (PSD), Colpani (PSB), Cristiano Santos (PV), Dalton Borba (PDT), Dr. Wolmir Aguiar (PSC), Noemia Rocha (MDB) e Pier Petruzziello (PTB). A abrangência do Petit Batel está no quadrilátero formado pelas ruas Desembargador Motta, Alferes Ângelo Sampaio, Doutor Carlos de Carvalho e Comendador Araújo.


3 comentários

  1. Paulo Burque
    segunda-feira, 11 de novembro de 2019 – 10:38 hs

    Não é só em Curitiba que os pólos gastronômicos se multiplicaram, eles já existem nas principais cidades do Paraná

  2. Luís Paulo Zolandek
    segunda-feira, 11 de novembro de 2019 – 14:34 hs

    O mais interessante é que a Abrabar e seus representantes são adeptos da “economia de mercado” e do “liberalismo”, mas para “reserva do seu mercado” desejam a regulamentação dos polos gastronomicos! Livre mercado no dos outros é refresco! rsrsrsrs

  3. antonio carlos
    segunda-feira, 11 de novembro de 2019 – 17:56 hs

    KKK o presidente desta associação quer que a Prefeitura afine para os estabelecimentos do ramo. Reclama até da ação da PM quando ela passa um pente-fino nas imediações dos bares e restaurantes. O cara só sabe chorar, deem para ele um lenço bem grande.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*