CCJ da Assembleia aprova reforma da Previdência no Paraná | Fábio Campana

CCJ da Assembleia aprova reforma da Previdência no Paraná

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa do Paraná aprovou, na tarde desta quarta-feira (20), a admissibilidade da reforma estadual da Previdência. Proposta pelo Governo do Paraná, a matéria é tratada por uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) e outros dois projetos de lei, que também receberam pareceres favoráveis. 

O líder do governo na Assembleia, Hussein Brakri (PSD), afirma que a reforma é necessária para as contas do estado. “Claro que essa situação não é a ideal, mas ela precisa ser enfrentada com responsabilidade sob pena de colocar em risco o pagamento das aposentadorias no futuro. Essas mesmas mudanças já estão em vigor em nível federal e precisam ser replicadas no Paraná por uma série de motivos: o déficit da Paranaprevidência vai atingir R$ 6,3 bilhões neste ano; a expectativa de vida é muito maior de quando as regras foram implantadas; e há um limite de gastos com pessoal que inclui a previdência”, diz.


4 comentários

  1. Adriano
    quinta-feira, 21 de novembro de 2019 – 16:57 hs

    Que justificativa, passaram a mão nos 8 bilhões da Paraná previdência, e agora vem dizer que não tem dinheiro para garantir a aposentadoria, é muita cara de pau, achando que todo mundo é idiota para acreditar nessa conversinha mole.

  2. jose renato
    quinta-feira, 21 de novembro de 2019 – 18:44 hs

    Quando será devolvido os recursos que os Governadores Requião e Beto Richa, não fizeram para a Paraná Previdência.

    http://www.robertorequiao.com.br/sobre-a-paranaprevidencia-no-governo-requiao/

    https://www.fabiocampana.com.br/2015/02/a-paranaprevidencia-quebrou-no-governo-requiao/

  3. JM
    sexta-feira, 22 de novembro de 2019 – 14:24 hs

    Sempre a mesma ladainha, essa gente só vê o lado deles, cambada de safados.

  4. CLOVIS PENA -AS VÍTIMAS PAGAM!
    domingo, 24 de novembro de 2019 – 8:18 hs

    SIM !! A SOLUÇÃO GENIAL DO GOVERNO DO ESTADO É COBRAR MAIS DOS PREJUDICADOS, VÍTIMAS DO ROMBO QUE O PRÓPRIO GOVENRNO CAUSOU NO FUNDO !!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*