Cida comemora premiação internacional do Criança Feliz | Fábio Campana

Cida comemora premiação internacional do Criança Feliz

Cida Borghetti destacou a premiação internacional entregue ao programa federal Criança Feliz, que tem o foco na primeira infância por meio do acompanhamento de crianças e gestantes por meio de visitas domiciliares em todo o País. O Criança Feliz venceu a edição 2019 do WISE Awards da Cúpula Mundial de Inovação para a Educação

“O Programa é essencial e precisa ser ampliado para melhorar a vida das crianças brasileiras. O reconhecimento internacional é mais do que merecido”, afirma.

“Estudos comprovam que o crescimento socioeconômico de um país e a redução da criminalidade ocorrem na proporção exata da proteção aos seus cidadãos no período inicial da vida. Ou seja, investir na Primeira Infância é o caminho para a formação de cidadãos de bem e de uma sociedade mais justa e igual”, acrescenta Cida.

A ex-governadora do Paraná e embaixadora da Organização Mundial da Família (OMF) é uma referência internacional no tema afirma que o programa é a consolidação de um trabalho iniciado em 2014 com a redação do Marco Legal da Primeira Infância na Câmara. Cida foi a presidente da comissão e o atual ministro da Cidadania, Osmar Terra, o relator do projeto.

“Aprovamos o Marco Legal em tempo recorde na Câmara. A lei mais avançada no mundo na proteção e desenvolvimento de crianças de zero a seis anos e que serviu de base para o Criança Feliz”.

“No Governo do Paraná tive a oportunidade de assinar a adesão do Estado do Paraná ao programa. A atenção na primeira infância tem impacto direto no desenvolvimento físico, emocional e cognitivo das crianças”.

A premiação é uma iniciativa da Fundação Catar e é considerada uma das mais concorridas e prestigiadas do mundo. O programa brasileiro de atenção à primeira infância competiu com mais de 480 projetos de vários países.

O Criança Feliz é considerado o maior programa de visitação domiciliar para o desenvolvimento infantil do mundo. Hoje, 754 mil crianças e gestantes de todo o País são atendidas, e o número de visitas já chegou a 19,9 milhões.

O programa atende gestantes e crianças de até três anos do Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal, e de até seis anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC). O programa integra ações nas áreas da saúde, assistência social, educação, justiça, cultura e direitos humanos.

Além do Criança Feliz, foram premiados o Family Business for Education (Reino Unido/Serra Leoa, Nigéria e Libéria), United World Schools: Teaching the Unreached (Reino Unido / Camboja, Nepal e Myanmar), Micro: bit Educational Foundation (Reino Unido), Arpan’s Personal Safety Education Programme (Índia) e Akilah Institute (E.U.A. / Ruanda).


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*