TCU identifica 1 milhão de pagamentos ilegais do INSS | Fábio Campana

TCU identifica 1 milhão de pagamentos ilegais do INSS

Auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) detectou chocantes 1 milhão de fraudes contra o Tesouro Nacional, por meio de pagamentos ilegais de aposentadorias, Bolsa Família, seguros desemprego e outros benefícios obtidos fraudulentamente. É uma espécie de quadrilhão de 1 milhão de brasileiros que recebem benefícios do INSS acima do teto, sócios de empresas ricas roubando Bolsa Família, paga a pessoas com renda superior à permitida e até seguro desemprego pago a mortos. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

O relatório aponta 660 mil benefícios suspeitos com número de registro inválido ou ausente, além de indícios de pagamentos acima do teto.

Cerca de 34 mil benefícios possuem indícios de acumulação ilegal e outros 25 mil têm “erros graves” como números de registro idênticos.

Apenas com seguros desemprego para quem já arrumou trabalho, os pagamentos irregulares em 2018 chegaram a R$89,8 milhões.

O paciente TCU deu prazo de 2 meses a 1 ano de para o INSS mostrar como fará para solucionar as múltiplas fraudes detectadas na auditoria.


5 comentários

  1. Veredicto
    quinta-feira, 29 de agosto de 2019 – 10:45 hs

    Os brasileiros de bem ficariam agradecidos se esta pesquisa apontasse também, em que ano , ou anos, estes benefícios foram concedidos.E quem era os responsáveis pelo país, por uma questão de justíça. Como se sabe, o novo governo esta apenas a seis meses no poder e não é justo creditar a ele estes crimes contra uma instituição que tem por finalidade beneficiar quem contribua corretamente, e os que realmente precisam da ajuda do Estado.

  2. quinta-feira, 29 de agosto de 2019 – 11:35 hs

    SE APERTAR VAI APAREÇER MUITOS FANTASMAS…Á VAI,,,COM CERTEZA………

  3. marco
    quinta-feira, 29 de agosto de 2019 – 19:09 hs

    Recebeu irregularmente, tem que devolver com multa e juros sem parcelamento, Borracha nestes vagabundos

  4. Pato-branquense
    quinta-feira, 29 de agosto de 2019 – 22:30 hs

    Pois é…com um povo desses, como reclamar dos políticos?

  5. luis
    sexta-feira, 30 de agosto de 2019 – 9:55 hs

    Primeiro paga depois vem no jornal para dizer que foi pago indevidamente para que serve mesmo esse tal TCU?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*