Rebelião em presídio da Lava Jato deixa dois agentes feridos | Fábio Campana

Rebelião em presídio da Lava Jato deixa dois agentes feridos

Bem Paraná

Uma tentativa de motim na galeria 3 do Complexo Médico Penal, em Pinhais, deixou dois agentes feridos hoje. Segundo informações da direção da unidade, dois presos teriam atacado os agentes durante uma movimentação corriqueira na galeria. O motim foi controlado e um dos feridos foi levado para o Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul.

“Recebemos a informação sobre a tentativa de rebelião e fomos à penitenciária para acompanhar o trabalho das forças de segurança. Quando chegamos em Pinhais, o agentes já haviam controlado a situação. Lamentamos que a violência tenha deixado os dois agentes feridos, um com mais gravidade”, afirmou Isabel Kugler Mendes, presidente do Conselho da Comunidade da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba – Órgão da Execução Penal.

O motim ficou restrito à galeria 3. No CMP, que é a única unidade que atende presos doentes de todo o Paraná, também estão presos de diversos perfis, como condenados pela Lei Maria da Penha, ex-agentes de segurança, presos por medida de segurança. Na unidade também estão os presos pela Operação Lava Jato. A galeria na qual estão fica isolada dos outros setores do Complexo.


3 comentários

  1. Segurança
    sábado, 17 de agosto de 2019 – 11:33 hs

    Bravos agentes penitenciários! Mesmo com defasagem e cadeias superlotadas estão segurando as pontas e ainda são agredidos nas penitenciárias!

  2. Fausto Thomaz
    domingo, 18 de agosto de 2019 – 11:50 hs

    Descobre quem foi e apaga esses bandidos….bandido bom eh bandido morto

  3. SERGIO SILVESTRE
    segunda-feira, 19 de agosto de 2019 – 12:25 hs

    Ainda bem que nosso chefe não está naquele local horrível.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*