Veneri quer demissão de Secretário de Educação | Fábio Campana

Veneri quer demissão de Secretário de Educação

“Poucas vezes, vimos um secretário de Educação tão incompetente quanto Renato Feder. Não sei aonde foram buscar esse cidadão. Mas, ainda está em tempo de mandá-lo de volta”. A afirmação é do deputado estadual Tadeu Veneri (PT), líder da bancada de Oposição na Assembleia Legislativa, ao abordar nesta segunda-feira, 8, o tratamento dado a Feder ao movimento dos professores e servidores que lutam pela reposição salarial, suspensa desde 2016.

Veneri criticou a posição do secretário de mandar cortar o ponto dos professores e funcionários e convocar os estudantes para retornar às escolas, mesmo quando não há professores e funcionários nos estabelecimentos. “É um irresponsável. Se os servidores estão em greve, onde vão ficar essas crianças, na rua, ou no gabinete do Feder?”, questionou o deputado.

Empresário paulista, o secretário não tem tato para lidar com a educação, afirmou Veneri. “É um empresário que entende bastante de vendas. Será que ele pensa que vai vender a educação no Paraná? Antes que isto aconteça, acho que ele deveria ser exonerado pelo bem do serviço público”, criticou Veneri.

Os servidores da educação e de várias áreas do Poder Executivo estão em greve desde a semana passada. As categorias rejeitam a proposta encaminhada à Assembleia Legislativa, em que o governo oferece 0,5% de reposição este ano e parcela 4,76% até 2022.


2 comentários

  1. xiru de palmas
    terça-feira, 9 de julho de 2019 – 7:41 hs

    Este cidadão desmontou uma estrutura administrativa pedagogica que havia na SEED, poderia não ser a excelência em eficiência, mas atendia plenamente as necessidades da educação do Paraná.
    Este senhor, para que todos tomem conhecimento, destituiu toda a equipe de direção da SEED, que era composta por funcionarios competentes e conhecedores das realidades do ensino, e colocou em seu lugar uma equipe de kids vindas de todas as regiões do Brasil e com salários acima de R$ 12.000,00. Por exemplo, um professor chefe de departamento ganhava deu padrão, em torno de R$ 6.000,00 mais com cargo comissionado de R$ 3500,00, tinha um custo de R$ 9.500,00. o sr Feder aumentou o valor da folha da SEED e diminuiu a eficiência.
    Só para ter uma noção do desconhecimento desta tchurma, para msacarar os índices escolares foram desligados da matrícula todos os alunos que tinham mais de 15 faltas até maio de 2019 e os alunos que tinham média inferior a 4.5. Cometeram um crime contra a constituição, ldb e estatuto do menor. Até o porteiro da SEED, que não tem o ensino basico completo ficou horrorizado. É claro, tiveram que colocar o rabinho entre as pernas e revogar este ato, além de já estarem respondendo apenas a 15 processos impetrados pelo MP do Pr.
    Não se inventa a roda, podemos tentar melhora-la.

  2. Professor Revoltado
    terça-feira, 9 de julho de 2019 – 11:20 hs

    Bom Dia Fabio.

    Votei no nosso Governador acreditando na promessa de Mudança na Educação.

    Por favor Governador Ratinho!

    DEMITA ESTE SECRETÁRIO!

    Assim não dá

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*