Terror no Litoral. Bandidos fazem reféns e assaltam banco | Fábio Campana

Terror no Litoral. Bandidos fazem reféns e assaltam banco

da Banda B

Pela segunda vez em menos de dez dias, bandidos fortemente armados fizeram reféns e assaltaram uma agência da Caixa Econômica Federal no Litoral do Paraná. Desta vez, na tarde desta segunda-feira (15), o crime aconteceu contra o banco de Morretes.

Segundo o investigador Vinícius, da Delegacia de Morretes, foi possível ouvir os disparos da unidade. “Estamos tentando apurar alguns fatos. Até o momento, são informações confusas, mas seriam quatro bandidos no local”, informou.

Já o soldado Edu, da Polícia Militar, confirmou que um cerco está sendo feito na cidade. “Como temos informações do local em que teriam fugido, foi feito um cerco no Centro para tentar encontrar os envolvidos”, disse.

Segundo as primeiras informações, um vigilante e o gerente foram mantidos como reféns durante a ação criminosa.

Como mais uma vez a ação criminosa acontece contra a Caixa, o caso será investigado pela Polícia Federal.


2 comentários

  1. Leonardo
    segunda-feira, 15 de julho de 2019 – 20:56 hs

    Embora as Instituições financeiras estejam na circunscrição de investigaçãovda Policia Federal o Comandante Geral da PM e o Delegado Geral não tem mais condições de continuarem em seus cargos.
    A SESP utiliza de números maquiados para dar falsa sensação de segurança a população.
    O Cope e o Bope prendem uma quadrilha e tentam tapear a população dizendo que foram presos os assaltantes da Caixa E Federal de Matinhosm
    Enquanto isso o novo canganço se instala no Litoral do Paraná Paraná e o Governador Carlos Massa nada vê.

  2. QUESTIONADOR
    terça-feira, 16 de julho de 2019 – 10:43 hs

    -Se a Polícia Civil investigar a fundo…pode ser que ache um possível vazamento de informações….o roubo não é feito do nada. Existe um planejamento da bandidagem: roubo de carro à ser usado no assalto, aluguel de armamento, levantamento de horários…..e por aí vai…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*