Boca Aberta defende reposição salarial para PM no Paraná | Fábio Campana

Boca Aberta defende reposição salarial para PM no Paraná

Os policiais militares do Paraná devem iniciar uma operação padrão, como forma de pressionar o Governo do Estado a negociar o pagamento das perdas salariais dos servidores. Segundo o presidente da Associação da Vila Militar, coronel Washington Alves da Rosa, os PM’s estão desmotivados e revoltados com a defasagem salarial de 17%, acumulada ao longo dos últimos quatro anos.

De acordo com o coronel, as perdas representam dois salários a menos a cada ano ao policial, que coloca sua vida em defesa da sociedade no combate à criminalidade. Segundo Washington Rosa, por lei os policiais não podem fazer greve, mas os policiais estão dispostos a promover operações padrão e aquartelamentos, como forma de protesto. O resultado destas medidas pode ter reflexos diretos na segurança pública do Estado.

O deputado federal Boca Aberta e o deputado estadual Boca Aberta Jr defendem melhores salários e condições de trabalho para os Policiais Militares e se colocam disposição de todos nessa luta. Informações Portal Paiquerê.


4 comentários

  1. Comerciante
    quinta-feira, 11 de julho de 2019 – 14:32 hs

    Com a palavra a Associação Comercial do Paraná, e o senhor Ratinho!

  2. Silva
    quinta-feira, 11 de julho de 2019 – 15:00 hs

    Parabéns aos nobres deputados, pai e filho que estão sensível aos anseios dos policiais militares que zelam pela segurança da população.
    Apenas o que é de direito, nada além, uma causa justa.

  3. bs
    quinta-feira, 11 de julho de 2019 – 19:09 hs

    Somente na pressão esse desgoverno governa.
    Muda a embalagem o conteúdo é o mesmo
    E ainda tem pretensões de ser presidente . KKKK

  4. servidor
    sexta-feira, 12 de julho de 2019 – 12:32 hs

    Tá abrindo a boca um pouco tarde, não !

    Em greve desde o dia 25 de junho, os funcionários públicos reivindicam, entre outras pautas, a reposição salarial.

    A data-base do funcionalismo venceu no dia 1º de maio e o índice da inflação no período foi de 4,94%. Com os rendimentos congelados desde 2016, as perdas acumuladas passam de 17%.

    Para 2019, até o momento o governo manifestou interesse de pagar 0,5%, a partir de outubro.

    Ratinho Jr tá nem aí !Em plena crise institucional vai novamente para NY /EUA !

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*