Sargento Fahur é o segundo deputado mais influente nas redes | Fábio Campana

Sargento Fahur é o segundo deputado mais influente nas redes

Estilo pesado. Dono de frases e pensamentos polêmicos, o deputado federal Sargento Fahur (PSD) reúne milhões de seguidores na internet. Ele, que foi o deputado federal mais votado do Paraná na última eleição, foi considerado, na semana passada, o segundo parlamentar mais influente nas redes sociais .

O ranking FSBinuênciaCongresso, da FSB Comunicação, em edição especial, mediu o alcance e a anuência dos deputados federais de todo o Brasil sobre o público. Na classicação, Fahur ca atrás somente da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP).O ranking é atualizado semanalmente e, de uma semana para outra, o deputado paranaense subiu uma posição na classificação geral, desbancando Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

A partir dos dados divulgados, é possível perceber, ainda, que a maioria dos deputados federais inuentes são aliados ao governo. Esse também é o posicionamento de Fahur que, ainda no início do mandato, reforçou o apoio ao presidente Jair Bolsonaro em entrevista exclusiva ao portal GMC Online.

Entre os vinte primeiros colocados, além de Fahur, apenas outros dois deputados federais do Paraná aparecem no ranking: Gleisi Homann (PT), na décima posição, Filipe Barros (PSL) em 14º lugar e Paulo Martins (PSC), na 16ª posição.

Metodologia
O FSBinuênciaCongresso monitora as publicações dos deputados federais e senadores em um determinado período. O monitoramento é 24×7, capturando e analisando o grau de engajamento de todas as publicações feitas pelos parlamentares no Facebook (apenas páginas públicas), no Instagram (apenas perfis oficiais) e no Twitter.

Para se calcular a nota de cada parlamentar e construir o ranking, são levados em consideração o número de seguidores, a quantidade de publicações, o alcance das publicações e o engajamento (curtidas, comentários e compartilhamentos) em cada rede social. São aplicados pesos diferentes a cada item, assim como para cada uma das três redes sociais analisadas.


8 comentários

  1. SERGIO SILVESTRE
    sexta-feira, 24 de maio de 2019 – 12:52 hs

    Fala de matar,atirar etc mas deve ser bom de “carreira”como certo PF que virou deputado.

  2. sid
    sexta-feira, 24 de maio de 2019 – 14:54 hs

    Aproveita FAHUR que está podendo!!
    Apresenta um projeto de lei alterando o Código Penal de modo que crimes dolosos contra a vida de agentes públicos (policiais, juízes, promotores, penitenciários, fiscais etc…) em serviço, no exercício da função ou em decorrência dela, ou contra seu cônjuge, companheiro ou parente consanguíneo até terceiro grau, em razão dessa condição não seja mais de competência do Tribunal do Júri. Acrescente no art. 121, Inciso VIII, do Código Penal, que os crimes praticados nas condições previstas nesse dispositivo serão considerados crimes contra a ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA e, como tais, terão prioridade de julgamento, por juiz criminal e não pelo Tribunal do Júri (onde as facções ameaçam juízes, promotores e principalmente os jurados e seus familiares). Também que não serão passíveis de progressão de regime, salvo exame criminológico em que se analisará o comportamento do acusado durante o tempo em que esteve preso, desde que cumprido pelo menos 80% da(s) pena(s) imposta(s) ou mais, dependendo do crime e da definição do juiz na imposição da sentença.
    O meliante que ataca a administração pública (sim, porque quando se ataca um servidor, em princípio se ataca o Estado!!!) vai pensar duas vezes sabendo que cumprirá quase cem por cento da pena até conseguir sair.

  3. Valdi
    sábado, 25 de maio de 2019 – 0:16 hs

    Parabens Sid,gostaria de ver isso tambem.

  4. Valdi
    sábado, 25 de maio de 2019 – 0:18 hs

    Sergio Silvestre ao contrario de outros”””
    O SGT FAHUR JÁ TINHA IDO PARA A RESERVA BLZ.

  5. Ein Sof
    sábado, 25 de maio de 2019 – 0:52 hs

    Grandes bostas.
    Conhecendo o nível de cretinice nas redes sociais, eu acho que fala mais a favor de uma pessoa ela não ser popular nas mesmas.
    Pronto, falei.

  6. Lucas yatch
    sábado, 25 de maio de 2019 – 3:44 hs

    Apesar de eu achar engraçado o jeito como ele fala as coisas , fica difícil discordar da lógica dele. No futebol Ronaldo Fenômeno foi o melhor que eu vi jogar. Na política Fahur , é o primeiro que eu vejo que realmente se interessa e se esforça em melhorar o País. Votei e continuarei votando nele. Força e honra

  7. Murillo
    sábado, 25 de maio de 2019 – 10:42 hs

    Lógico! Entre Pessoas de bem X bandidos o nobre deputado sempre demonstrou seu lado. É mais do que merecida toda essa fama.

  8. Celso
    domingo, 26 de maio de 2019 – 11:19 hs

    Sou policial militar e não votei nesse sujeito, mas como lá está, democraticamente acho que devemos apoiá-lo “in totun”.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*