A toque de caixa | Fábio Campana

A toque de caixa

A PEC enviada pelo governador Ratinho Jr à Assembleia Legislativa, que extingue a aposentadoria para ex-governadores rodou, rodou e agora vai a plenário a toque de caixa. O presidente da Assembleia, Ademar Traiano, determinou que a comissão que trata da PEC apresente seu relatório até amanhã, terça-feira (14), e anunciou que colocará a matéria em discussão no dia seguinte, 15.

Por que tanta pressa, depois de tanta demora? Por que justo no dia da instalação do governo em Maringá, o que deve esvaziar o plenário? Há deputados, como Homero Marquese (foto) que acreditam que o novo encaminhamento serve para dificultar a aprovação da PEC. Sem contar que há uma emenda do deputado Marchese que estende a extinção da aposentadoria aos nove governadores que já recebem o benefício, além de três de suas viúvas. Nas condições propostas agora, essa emenda seria prejudicada.

A proposta já foi aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça e encaminhada para exame por uma comissão especial, presidida pelo deputado Jonas Guimarães. Esta comissão aguardou durante 40 dias o julgamento de ação de declaração de inconstitucionalidade pelo STF.


4 comentários

  1. FERNANDO
    terça-feira, 14 de maio de 2019 – 4:32 hs

    Caro Fabio, gostaria que todos os Deputados Estaduais fossem na Assembleia para vota esse projeto. Na hora da votação os nobres Deputados pensassem nos milhares de desempregados que existe no Estado do Paraná. Temos como exemplos nos sinaleiros em Curitiba todos os dias. Além do mais os Ex-Governadores que recebem a aposentadoria estão ricos e não precisam desse valor absurdo que recebem.

  2. Aderbal Silva Soares
    terça-feira, 14 de maio de 2019 – 9:37 hs

    Gostaria de escutar o que o Deputado Plauto Miró tem a falar sobre o assunto, ele que começou o ano tão falante, agora esta me parecendo um pouco sumido, não acham ?

  3. Leandro Marquesini
    terça-feira, 14 de maio de 2019 – 10:07 hs

    Foi promessa de campanha. O governador, se quiser, garante a aprovação do fim das mordomias dos ex-governadores e viúvas ricas, pois o ratinho tem maioria na assembléia. E aí governador, vai cumprir o que prometeu?

  4. Rogerio
    terça-feira, 14 de maio de 2019 – 14:54 hs

    O correto, seria cortar de imediato esses pagamentos e cobrar todo dinheiro recebido com juros e correção, pois pela lei só tem direito a aposentadoria que realmente contribuiu pra receber. Os deputados do Parana deveriam ter vergonha na cara por não ter acabado com esse escarnio a muito tempo. Se bem que vergonha na cara, ultimamente estão devendo muito

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*