O jogo bruto nos bastidores da PM | Fábio Campana

O jogo bruto nos bastidores da PM

Um jogo marcado por acusações mútuas, perseguições, traições e ranger de dentes. A eleição realizada ontem na AMAI (Associacão dos militares ativos, inativos e pensionistas da Polícia Militar do Paraná) está rendendo mais do que especulações decorrentes do pleito eleitoral.

A abertura de um Inquérito Policial Militar, pelo atual Comandante-Geral, coronel Pericles de Matos, contra o ex-Comandante Coronel Mauricio Tortato, abriu um conflito entre o alto comando e as demais associações e oficiais da Reserva Remunerada. Na tropa, a ação também soou muito mal, pois Tortato guarda muitos admiradores na ativa.

O inquérito seria para apurar irregularidades denunciadas pelo presidente da AMAI, Cel Furquim. Ocorre que todas as denúncias são “requentadas”. Todas as queixas do Presidente da associação já haviam sido objetos de apuração pelos Promotores de Justiça do Patrimônio Público e pela Justiça Militar Estadual, sendo arquivadas ha mais de um ano, por improcedência.

O tempero – ou destempero – da história, é que para presidir o Inquérito, o Comandante-Geral designou o Cel Elio de Oliveria Manoel, atualmente afastado da PM para exercer cargo comissionado no DEPEN.
O Coronel Élio é antagonista histórico do Cel Tortato e ligado à diretoria da AMAI e, portanto, suspeito para conduzir qualquer processo.
Segundo as fontes ouvidas, diante da explícita perseguição ao ex-comandante, que alega abuso de autoridade na instauracao de processo ja analisado pela Justiça, é garantido que o Cel Péricles instaurou o inquérito mas não irá solucioná-lo, pois as associações pedirão providências imediatas ao Governador do Estado, que sabe-se não nutrir simpatia pelo Coronel Élio.


15 comentários

  1. Carlos Luís
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:27 hs

    Este coronel Élio é um oficial que sempre apoiou o corrupto do Richa! Não tem moral pra nada foi promovido por indicação é não goza de prestígio perante a tropa. O Tortato é um oficial digno competente e não é corrupto o que causa revolta e inveja perante o alto oficialato.

  2. Samira
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:39 hs

    O Comandante Tortato sempre foi respeitado por onde passou. Um dos grandes e competentes oficiais da PM. Tem muitos admiradores no MP e TJ, outros seriedade, honestidade e franqueza com que comandou a polícia. Já essa associação só aparece negativamente em processos e mais processos mal conduzidos. Se é verdade que há repetição de denúncias, que estas já foram apuradas e arquivadas e que além de tudo designaram um oficial com impedimento de suspeição, alguém responderá penal e civilmente por ter conduzido abusivamente esse processo.

  3. quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:39 hs

    Bah,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

  4. Júlio Cezar
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:47 hs

    Essa Amai..Cel Furquim, Cel Cesar, Cel Elio deviam ser proibidos de representar a PM, são uma vergonha, só sabem abrir processo contra governo, ex-comandante e inclusive associados que sejam contra a opinião deles. Coronel Tortato sempre foi um exemplo de integridade e isso incomoda quem não faz nada. Além de ressurgirem processo que já havia sido solucionado e arquivado por todas as esferas judiciais. Enquanto isso Cel Elio segue a anos mamando na teta do governo, a uns 7 anos só pulando em cargo comissionado e nada de usar farda, podem aposentar pq não fará falta.

  5. Fiotão dos Campos Gerais
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:49 hs

    Mexeram num vespeiro. Cutucaram onça com vara curta. Vão mexer com quem está quieto. Acho que não é só o SESP que sai de cena. Colocar o governo em mais uma saia justa por conta de um matusalênico rabugento e por vingancinha pessoal é um baita tiro no pé. Se fosse um bocó qualquer, passava batido. Mas o Coronel Tortato tem muitos fãs e é bem quisto dentro e fora da polícia. E ainda trouxeram pro potreiro o Coronel Élio, que só está no DEPEN pq o governador ainda não sabe, já que não é exatamente queridinho na corte.

  6. Florinda Melinda
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:52 hs

    Só o que faltava. Conheço bem o Coronel Maurício e sei de sua seriedade. Aí tem cheiro de pilantragem. Conte conosco, Coronel Tortato. Quem brilha sempre incomoda aos apagados.

  7. Agente Penitenciário
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:54 hs

    Coronel Élio??? Estamos devolvendo e não queremos troco. A PM que cuide de seus encostos pois já temos os nossos

  8. José Silva
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 12:58 hs

    Coronel Furquim, Coronel Péricles e Coronel Élio contra Coronel Farias, Coronel Washington, Coronel Farias e mais quase toda a polícia e metade das autoridades de influência neste paranazão. Os primeiros querendo sacanear o Coronel Tortato sem fundamento e os outros defendendo um cara do bem e a PM. Acho que teremos um massacre. Governador vai ficar feliz quando voltar da China. Criaram um monstrinho e acho que já sabemos quem serão os comidos por ele…

  9. Praça véia
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 13:02 hs

    Coronel Furquim só tem desafetos. Coronel Tortato só tem amigos ou pelo menos não fez inimigos. Acho que o alto comando escolheu o lado errado da corda. Conte com as véinhas aqui de Maringá, Coronel Tortato! Estamos com você e te conhecemos bem há 40 anos. Se precisar fazemos manifestações na frente do QG pelo senhor. Beijos

  10. Valquíria Martins
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 14:31 hs

    Sr secretário de administração do Paraná, srs procuradores da PGE temos que apurar e investigar a “FARRA DAS LICENÇAS ESPECIAIS DA PM”. Todos os coroneis da cúpula da PM tem uma, duas, três licenças espaciais para gozarem e/ou contarem em dobro para efeitos de aposentadoria. Não fazem nem uma das duas possibilidades, ficam enrolando e quando completam o tempo de serviço ativo, ingressam com ações milionárias, e ganham na justiça, contra o Estado. Basta um pequeno levantamento de ações ajuizadas e que estão na PGE para vcs saberem a real dimensão dessa ação que lesa os cofres públicos, sem falar nos crimes de improbidade administrativa do administrador público contra o estado do Paraná.) comecem pelo comandante da PM EB dia vai …

  11. Justo
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 20:04 hs

    Tenho amigos na PM, na realidade em todos lugares tem desavenças, isso é uma desavença, será que isso ajuda a PM.

  12. Rosana Claudia
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 21:52 hs

    Participei de algumas reuniões com o Coronel Tortato é dava gosto discutir com ele. Podíamos entender a policia e ele era um gentleman, além de inteligente e culto. Já estes dias, fui representar minha secretaria numa reunião com esse Coronel Matos que está no comando. Cheguei a cochilar e quando acordei achei que tinha ido parar num desses grupos de autoajuda para dislexia. Conversando com meu secretário sobre esta notícia, não tenho dúvidas: pobre polícia. Se já tivessem aprovado a reforma da previdência o charmoso comandante tortato ainda estaria alegrando minhas reuniões e a segurança iria bem. Força, Coronel Tortato e conte com o pessoal da administração.

  13. Hugo Silva
    quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 22:19 hs

    Élio não tem moral pra falar do Tortato, Coronel Tortato está anos luz a frente do Élio, Élio está encostado no Depen, na sombra do Caricati outro tremendo que também tem seu passado obscuro.

  14. quinta-feira, 25 de abril de 2019 – 22:28 hs

    Que o Governador resolva da melhor forma, esse Coronel Tortato está acima da média na PM, precisa ser valorizado, já o Élio sem comentários, está encostado no Depen junto com o Caricati que é outro sem noção.

  15. Celso
    domingo, 28 de abril de 2019 – 9:36 hs

    O Coronel Maurício Tortato, ex-Comandante Geral da Policia Militar do Estado do Parana é um expoente da PMPR e referência nacional pela sua postura profissional. Trata-se de um dos Oficiais mais corretos e mais gabaritado que já passou pelas fileiras da Corporação, íntegro ao extremo e nunca se soube de nada que desabonasse a sua conduta durante a sua permanência na Corporação.
    Os ataques que estamos vendo é provocado por pessoas desprovidas de preparo técnico profissional, de pessoas que não merecem ser tratados como especialistas de segurança pública, por ser alheias a profissão que escolheram e que nunca contribuirão com a segurança pública, ao contrário sempre se locapretaram com cargos, com articulações politicas e competência zero, por isso é que direcionam ataques descabidos ao brilhante Oficial que é o Coronel Mauricio Tortato.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*