Chavismo cassa imunidade e abre caminho para prisão de Guaidó | Fábio Campana

Chavismo cassa imunidade e abre caminho para prisão de Guaidó

A Assembleia Constituinte da Venezuela, controlada pelo chavismo, cassou nesta terça-feira, 2, a imunidade parlamentar do líder opositor e autoproclamado presidente interino do país, Juan Guaidó. “Retiramos a imunidade e levaremos seu caso à Justiça”, afirmou o presidente da Assembleia Constituinte, Diosdado Cabello. Ele vai responder a um processo penal na mais alta corte do país por “usurpação das funções” presidenciais, e pode ser preso. O Judiciário da Venezuela é fiel aliado do presidente Nicolás Maduro. As informações são do Estadão.

A cassação atende ao pedido do Tribunal Supremo de Justiça (TSJ) da Venezuela, também controlado pelo chavismo, que retirou na segunda-feira a imunidade parlamentar do líder opositor. A decisão amplia o caminho para que o presidente da Assembleia Nacional seja preso.


Um comentário

  1. quarta-feira, 3 de abril de 2019 – 13:21 hs

    Vergonhoso e tem gente que defende esse ditador do maduro…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*