Presidente da Vale fora do comando após recomendação do MP e da PF | Fábio Campana

Presidente da Vale fora do comando após recomendação do MP e da PF

G1

O presidente da Vale, Fabio Schvartsman, se afastou neste sábado (2) do comando da empresa. O conselho de administração da companhia aprovou o afastamento.

A decisão foi tomada após a força tarefa que investiga o rompimento da barragem de Brumadinho (MG) recomendar o afastamento do executivo e de outros 13 empregados da mineradora.

Em carta endereçada ao Conselho de Administração da Vale, Schvartsman pediu o afastamento temporário das funções “em benefício da continuidade das operações da companhia e do apoio às vítimas e a suas famílias”.


Um comentário

  1. EU
    domingo, 3 de março de 2019 – 11:06 hs

    Deveria estar preso!
    Junto com ele, políticos das últimas gestões do estado e da união, outros diretores e membros do conselho da Vale, doutos do ministério público que só apareceram após a meleca acontecida, fiscais federais e estaduais, a turma do CREA que nem passou perto das barragens da Vale, dentre tantos e tantos responsáveis diretos e indiretos pela tragédia.
    Cadeia é pouco.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*