Toffoli anula voto aberto e determina votação secreta no Senado | Fábio Campana

Toffoli anula voto aberto e determina votação secreta no Senado

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, decidiu anular decisão do plenário do Senado pelo voto aberto na eleição para a presidência da Casa e determinou que a votação seja secreta. As informações são de Leandro Colon na Folha de S. Paulo.

“Declaro a nulidade do processo de votação da questão de ordem submetida ao plenário pelo senador da República Davi Alcolumbre, a respeito da forma de votação para os cargos da Mesa Diretora. Comunique-se, com urgência, por meio expedito, o senador da República José Maranhão, que, conforme anunciado publicamente, presidirá os trabalhos na sessão marcada para amanhã (sábado)”, diz a decisão.

Segundo Toffoli, é preciso respeitar o artigo 60 do regimento do Senado, que determina votação secreta.


Um comentário

  1. BinLaden
    sábado, 2 de fevereiro de 2019 – 15:32 hs

    grandessíssimo FDP

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*