SESP tem até domingo para tirar presos da DP de São José | Fábio Campana

SESP tem até domingo para tirar presos da DP de São José

A Secretaria Estadual de Segurança tem até domingo (10) para esvaziar a carceragem da Delegacia de São José dos Pinhais. O prazo foi estabelecido pela Vigilância Sanitária do município, que em vistoria no dia 1º de fevereiro constatou a superlotação e surto de sarna no local, que ameaçava contaminar o restante do edifício e imóveis vizinhos. Nesta sexta (8), a delegacia ainda abrigava 55 presos homens e duas mulheres.

Em seu parecer, divulgado na segunda (4), a Vigilância ressaltou que os detidos estão em situação insalubre, já que a carceragem apresenta excesso de presos; ventilação deficiente; umidade excessiva; infiltração no teto e nas paredes; sobras de alimentos em decomposição; falta de higienização; roupas e colchões expostos em chão úmido; e fiação exposta.

“O local não oferece as mínimas condições de habitabilidade aos detentos ou dos que lá se encontram e paralelamente aos funcionários por oferecer risco à saúde humana”, ressalta trecho do laudo.

A carceragem da delegacia de São José dos Pinhais já estava interditada por causa de vistorias anteriores da Vigilância, mas continuou a receber presos. O Conselho da Comunidade de São José dos Pinhais e o Conselho da Comunidade da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba encaminharam documentos às autoridades solicitando uma solução para o problema.

“A situação é gravíssima na delegacia. Os presos estão abrigados em condições desumanas. Todos estão com coceiras e bolhas pelo corpo. É uma questão de saúde pública. Agentes, policiais e moradores vizinhos podem ser afetados pelo problema”, afirma Isabel Kluger Mendes, presidente do Conselho da Comunidade da RMC.


3 comentários

  1. sábado, 9 de fevereiro de 2019 – 14:58 hs

    Bah,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

  2. Ataide
    domingo, 10 de fevereiro de 2019 – 10:16 hs

    Governador Ratinho Junior, é uma situação gravíssima que esta ocorrendo na Delegacia de São José dos Pinhais, por culpa da Gestão do DEPEN. Governador aproveite, determine a imediata remoção dos presos para não ficar ruim para o Governo e mande embora também a Direção do DEPEN.

  3. Isaias Andrade
    domingo, 10 de fevereiro de 2019 – 20:50 hs

    O que estes defesnsores de presidiário estão inventando ? Quantas escolas no Pr já teve surto de sarna, piolhos, etc ? Os direitos humanos reinvidicaram alguma ação do governo nestes casos ? Estes bandidos por acaso estão lá na delegacia de São José em colônia de férias ? Avisem as famílias que lá tem sarna e que tragam remédios se quiser que seus coitadinhos se curem. Não aceito tirar recursos de outros programas para atender criminoso preso. O Brasil precisa mudar.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*