Lula transformou Gleisi em caso de hospício | Fábio Campana

Lula transformou Gleisi em caso de hospício

Augusto Nunes,
A segunda condenação do ex-presidente Lula era tão previsível quanto a mudança das estações do ano. Mas parece ter surpreendido a deputada federal Gleisi Hoffmann, rebatizada pelo Departamento de Propinas da Odebrecht com os codinomes “Amante” e “Coxa”. Pelo que disse no palavrório inicial, a presidente do PT não se deu conta de que estamos em 2019. “Condenaram Lula para impedir que ele se eleja presidente da República”, recitou.
Alguma alma caridosa deve ter lembrado a Gleisi que a campanha eleitoral terminou em outubro com a derrota de Fernando Haddad, o poste que Lula fabricou. Ela então mudou a discurseira — para pior. “Condenaram Lula para impedir que o presidente ganhe o Nobel da Paz”, delirou.
Como o chefão passou a vida tentando dividir os brasileiros entre “nós” e “eles”, talvez seja coisa de Lula uma tremenda façanha pacificadora. É a aliança celebrada entre as maiores organizações criminosas do país. No momento, o PT, o PCC e o Comando Vermelho combatem unidos contra o conjunto de medidas contra a bandidagem anunciadas pelo ministro Sergio Moro.
Faz tempo que Gleisi é caso de polícia. Agora parece ter se tornado também um caso hospício.


4 comentários

  1. marcos
    sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019 – 15:40 hs

    O pior que ainda tem uns idiotas que votam nessa louca.
    Como tem gente acéfala!!!!

  2. lika
    sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019 – 15:46 hs

    Eu pensava que Prêmio Nobel era para Cientista, Pacifista, esse tipo de gente, que contribui ou contribuiu para o bem da humanidade, não sabia que preso, ou qualquer outro bandido pode receber isso não.

  3. JÁ ERA...
    sábado, 9 de fevereiro de 2019 – 6:47 hs

    O PT que outrora seria um grande partido dos “trabalhadores” vi-
    rou pó de traque. Nada é eterno nesta vida, porem o caso da PTzada
    o que pulverizou de vez foi a corrupção e ainda tem uma tal de Gleisi
    que continua delirando…

  4. antonio carlos
    sábado, 9 de fevereiro de 2019 – 11:41 hs

    Nada impede que o comitê que concede o Prêmio Nobel o conceda ao 51, tantos outros presos e perseguidos já foram agraciados com este mesmo prêmio antes dele. Então que a Crazy e as forças que a apoiam sigam com este projeto, de conceder o Prêmio Nobel ao 51, mesmo em cana por ser corrupto e ladrão.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*