Um Curi no poder desde 1950 | Fábio Campana

Um Curi no poder desde 1950

Não há nada mais antigo na política paranaense que um Curi nos bastidores do poder. Depois de décadas de hegemonia de Aníbal Curi, talvez o mais sagaz de todos os que passaram pela Assembleia desde o fim do Estado Novo, seu neto, Alexandre Curi, já no quinto mandato de deputado estadual, dá cartas e joga de mão, mesmo depois de ter apoiado, presumivelmente, a reeleição da governadora Cida Borgthetti.

Curi está longe de exibir as qualidades do avô, mas se vira bem porque o mundo da política já não é o mesmo e os personagens atuais estão à sua altura. Ele, a exemplo do que aconteceu desde 1990, é conselheiro e parceiro do novo governo, ao lado de figuras como Luiz Claudio Romanelli, que entrou na política adulta em 1982.


4 comentários

  1. quinta-feira, 10 de janeiro de 2019 – 15:29 hs

    Bah,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

  2. PitBull
    quinta-feira, 10 de janeiro de 2019 – 15:33 hs

    Chamar Anibal Cury de sagaz é piada…
    Só se a sagacidade do cujo se resumia em ter o rabo dos políticos na mão..

  3. quinta-feira, 10 de janeiro de 2019 – 22:40 hs

    Diários Secretos…Cury é o mesmo da quadrilha do Bibinho? Um Cury rouba o Paraná desde os ano 50, é pra ca bé né!!!!!

  4. João Santos
    sexta-feira, 11 de janeiro de 2019 – 16:14 hs

    Isso prova que brigar por candidatos não vale nesse modelo. Tem gente que coordenou equipe da Cida Borgietti nomeada essa semana, e quem defendeu Ratinho Jr está mais por fora que asa de caneca, entendo que a equipe do Rstinho ou é incompetente ou conveniente.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*