Réveillon de presos da Lava Jato teve patrocínio da Odebrecht | Fábio Campana

Réveillon de presos da Lava Jato teve patrocínio da Odebrecht

Como já foi noticiado, o Conselho da Comunidade, grupo responsável por trabalhar junto a presídios da região metropolitana de Curitiba, realizou festa de final de ano para cerca de 11,4 mil pessoas, a maior parte do grupo formada por agentes penitenciários e detentos. Entre eles estavam os presos da Lava Jato, detidos no Complexo Médico-Penal, em Pinhais.
Segundo a Folha de S. Paulo, a celebração foi parcialmente bancada pela Odebrecht, que doou uma graninha ao Conselho da Comunidade.
A empreiteira participa desse tipo de ação desde 2015, ano da prisão de Marcelo Odebrecht.

(Foto: Rodolfo Buhrer/Reuters)


Um comentário

  1. sábado, 12 de janeiro de 2019 – 8:04 hs

    NO BRASIL, EVANGÉLICOS CHUPETA DA CABEÇA DENTRO DO CÁRCERE, SÃO TOMADOS POR INICIATIVAS TÃO HUMANITÁRIAS QUE A´TÉ O CAPETA DUVIDA TCHÊ,KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*