Ratinho Jr descarta privatizar Copel e Sanepar | Fábio Campana

Ratinho Jr descarta privatizar Copel e Sanepar

“A Copel e a Sanepar são intocáveis e não serão privatizadas em seu governo”, este é o resumo do pensamento de Ratinho Jr a respeito das duas empresas. A explicação: “A Copel e a Sanepar têm duas funções fundamentais: promover o desenvolvimento econômico e social do Paraná. Empresas com funções como essas, especialmente na área social, não devem ser passadas para a iniciativa privada, onde a visão financeira se sobrepõe a todas as outras”.
Os planos para as companhias: modernizar, aumentar a eficiência e reduzir custos.
No início desta semana, as ações da Sanepar atingiram seu maior valor histórico, com valorização de 5,88%. Enquanto as da Copel alcançaram o maior valor dos últimos 12 meses na bolsa brasileira e abriram com alta também na Bolsa de Valores de Nova York.

(Foto: ANPr)


5 comentários

  1. segunda-feira, 21 de janeiro de 2019 – 12:41 hs

    Eu Lamento o Seguinte, Antes a Gente Usava Até 10 Metros de água..e só Pagava o uso e ou o exesso..Hoje tem Que Pagar ;;os mesmos valores use ou não..???????????..Tá na hora de Rever estes conseitos;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;

  2. EU
    segunda-feira, 21 de janeiro de 2019 – 12:41 hs

    O camundongo júnior pode ser tudo, menos bobo.
    Imagina privatizar as estatais que estão acomodando em suas diretorias e em seus conselhos os companheiros e amigos políticos? Diga-se, com excelentes salários e remunerações.
    Imagina se deixaria nas mãos da iniciativa privada as estatais que irrigam a imprensa com dinheiro público para que a mídia não fale mal de seu governo?
    Imagina!

  3. Roberto Santos
    segunda-feira, 21 de janeiro de 2019 – 13:13 hs

    Alguém conhece a Mata de Santa Genebra Transmissão S.A. da qual a Copel é sócia majoritária, que tem sede no Rio de Janeiro, presta serviços em SP, e o Diretor Presidente aqui de Curitiba (Sebastiani) ganha R$ 38.700,00/mês.

  4. CLOVIS PENA - Muito cedo !!
    segunda-feira, 21 de janeiro de 2019 – 15:16 hs

    O Ministério Público de Contas endereçou correspondência ao vizinho Palácio Iguaçu alertando o governador Ratinho Jr. para “a necessidade de se buscar a probidade como valor para as nomeações que se têm efetuado – sem o que quais esforços pelo aprimoramento da gestão pública paranaense serão inócuos”.
    .
    De onde veio o Pimentel nomeado para a COPEL ?? Só pra saber.

  5. antonio carlos
    segunda-feira, 21 de janeiro de 2019 – 18:58 hs

    Estatal lucrativa não é privatizável, só as deficitárias. O que dá lucro fica com o Estado, o que dá prejuízo a iniciativa privada pode se arriscar e assumir o negócio.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*