PGR sobre Aécio: 'Indícios de práticas criminosas' | Fábio Campana

PGR sobre Aécio: ‘Indícios de práticas criminosas’

A Procuradoria-Geral da República pediu ao STF mais 60 dias para concluir as investigações que apuram o envolvimento de Aécio Neves em esquema de corrupção e lavagem de dinheiro em Furnas, estatal do setor energético. Para a PGR, há “indícios de práticas criminosas que necessitam de esclarecimento”.
A investigação foi incrementada com informações bancárias obtidas por meio de acordo de cooperação internacional o que abriu uma nova linha de investigação, segundo a PGR, que pediu que se o caso não for de competência do STF, que não o arquive, como Gilmar Mendes já fez uma vez, o encaminhe para a 1ª instância.
“Ainda restam informações pendentes que somente poderão ser obtidas com a complementação da cooperação internacional ativa já em curso, o que justifica a continuidade das investigações, seja sob supervisão do Supremo Tribunal Federal, seja sob supervisão de juízo da primeira instância. O certo é que há uma linha investigativa a ser seguida, com indícios de práticas criminosas que necessitam de esclarecimento”, ressaltou o vice-procurador-geral da República, Luciano Mariz Maia.


3 comentários

  1. Aprigio Fonseca
    sexta-feira, 25 de janeiro de 2019 – 16:01 hs

    RSRSRSRSRS INDICIOS RSRSRSR?

  2. Lucas de Toledo
    sexta-feira, 25 de janeiro de 2019 – 16:28 hs

    Sério? Um cidadão de bem…

  3. BinLaden
    sexta-feira, 25 de janeiro de 2019 – 23:34 hs

    DEMOROU…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*