Os quinze secretários de Ratinho | Fábio Campana

Os quinze secretários de Ratinho

Pronto! Ontem foram nomeados os novos secretários do Estado. Com isso, as especulações acabam para que as críticas entrem em campo. Até dia 31 tinha gente afirmando que Fulano seria substituído por Beltrano; que Sicrano ficaria fora e assim por diante, apesar dos anúncios feitos pelo próprio Ratinho. É a turma da tramoia, que atira só para confundir e que, pior, nem sempre faz parte da oposição.
Foram nomeados o chefe da Casa Civil, Guto Silva; o secretário de Estado da Agricultura e Abastecimento, Norberto Ortigara; o chefe do Gabinete Militar da Governadoria, major Welby Pereira Sales; a procuradora-geral do Estado, Letícia Ferreira da Silva; o controlador-geral do Estado, Raul Siqueira; o secretário de Estado de Gestão Pública, Reinhold Stephanes; o secretário de Estado de Comunicação Social e Cultura, Hudson José; o secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, João Carlos Ortega; o secretário de Estado da Educação e Esporte, Renato Feder; o secretário de Estado de Segurança Pública, general Luiz Felipe Kraemer Carbonell; o secretário de Estado do Desenvolvimento Ambiental e Turismo, Márcio Nunes; o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex; o secretário de Estado da Saúde, Carlos Alberto Gebrin Preto (Beto Preto); o secretário de Estado da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost; e o secretário de Estado do Planejamento e Projetos Estruturantes, Valdemar Bernardo Jorge.
O currículo de cada um:

Chefe da Secretaria da Casa Civil – Guto Silva
Formado em administração com habilitação em comércio exterior. É professor de pós-graduação na área de comércio exterior e consultor do Sebrae para assuntos internacionais.

Chefe do Gabinete Militar da Governadoria – Major Welby Pereira Sales
É formado em direito e oficial formado pela Academia Policial Militar do Guatupê. Foi chefe de Planejamento e Instrução do Batalhão de Polícia de Guarda e diretor de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Paraná.

Procuradora-Geral do Estado – Letícia Ferreira da Silva
Foi procuradora-chefe na Procuradoria Regional de Jacarezinho, procuradora-regional de Maringá, procuradora-chefe da Procuradoria Regional de Londrina e responsável pela Coordenadoria da Dívida Ativa na Procuradoria Fiscal em Curitiba.

Controlador-geral do Estado – Raul Siqueira
Formado em direito e engenharia civil, com especialização em compliance na Society of Corporate Compliance and Ethics de Minaneapolis, Estados Unidos, e na Legal Ethics Compliance, de São Paulo. Foi conselheiro da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/PR).

Secretário de Estado de Gestão Pública – Reinhold Stephanes
Formado em economia, especializou-se em desenvolvimento econômico pela Comissão Econômica para a América Latina (Cepal/ONU) e em administração pública, na Alemanha. Foi ministro da Agricultura, secretário de Estado de Agricultura do Paraná, deputado federal, secretário de Planejamento, ministro do Trabalho e Previdência Social, ministro da Previdência e Assistência Social e Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Secretário de Comunicação Social e Cultura- Hudson José
Formado em jornalismo, tem especialização em planejamento e propaganda e, ainda, em gestão. Foi diretor de Comunicação do grupo português Sonae, diretor de Marketing da Unimed, diretor de Comunicação da PUC-PR e diretor de Marketing da rede de restaurantes Madero, além diretor de Comunicação da Assembleia Legislativa do Paraná.

Secretário do Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas – João Carlos Ortega
Formado em gestão de recursos humanos, foi vereador em Jandaia do Sul e vice-prefeito. Atuou também como chefe de gabinete de Ratinho Junior e foi diretor-geral da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Urbano.

Secretário de Estado da Educação e Esporte – Renato Feder
É CEO de uma empresa do segmento de eletrônicos e informática. É formado em administração e tem mestrado em economia. Foi assessor voluntário da Secretaria de Estado Educação de São Paulo e professor no instituto Mackenzie. Também foi diretor do Colégio ALEF, escola de São Paulo sem fins lucrativos.

Secretário de Estado de Segurança Pública – General Luiz Felipe Kraemer Carbonell
Iniciou a carreira no Exército em 1974, na Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), em Resende, no Rio de Janeiro. Assumiu a pasta de Informação da Usina de Itaipu, serviu no Centro de Comunicação Social do Exército, em Brasília, e foi chefe da Seção de Comunicação Social da Missão das Nações Unidas para Estabilização do Haiti.

Secretário de Estado Agricultura e Abastecimento – Norberto Ortigara
É técnico agrícola e economista com especializações em economia rural e segurança alimentar. Foi servidor público da Seab por 40 anos, secretário de Estado da Agricultura e também respondeu pela mesma em Curitiba.

Secretário do Desenvolvimento Ambiental e Turismo – Márcio Nunes
Engenheiro agrônomo, foi vice-prefeito e secretário municipal de Agricultura e Meio Ambiente de Campo Mourão. Foi chefe regional da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento na região Noroeste e diretor administrativo e financeiro do Emater/PR. Assumiu a presidência do Instituto Águas do Paraná.

Secretário de Estado de Infraestrutura e Logística – Sandro Alex
Formado em direito, fez curso de liderança pública na Georgetown University, em Washington, nos Estados Unidos. Foi deputado federal por três mandatos.

Secretário de Estado da Saúde – Carlos Alberto Gebrin Preto (Beto Preto)
Médico com especialidade em medicina nuclear pelo Instituto Rio Preto de Medicina Nuclear. É pós-graduado em medicina do trabalho, em medicina de trânsito e em medicina legal e perícias médicas. Foi prefeito de Apucarana.

Secretário de Estado da Justiça, Família e Trabalho – Ney Leprevost
Formado em administração, tem MBA em gestão de cidades e administração pública. É deputado federal, foi deputado estadual e vereador de Curitiba.

Secretário do Planejamento e Projetos Estruturantes – Valdemar Bernardo Jorge
Formado em direito e informática, tem pós-graduação e é especialista em direito tributário e direito empresarial, além de mestre em direito econômico e social. Foi professor convidado da Escola Superior da Magistratura Federal do Paraná e do LLM em direito empresarial aplicado, da Faculdade da Indústria IEL.

(Foto: Rodrigo Félix Leal/AEN)


2 comentários

  1. loise
    quarta-feira, 2 de janeiro de 2019 – 11:43 hs

    Então a Secretaria da Fazenda foi esquecida pelo jornalista ou pelo Governador?! Há, ela pode ter sido extinta e eu nem fiquei sabend,o vou verificar…

  2. Luciano Soares de Souza
    quarta-feira, 2 de janeiro de 2019 – 16:14 hs

    Beto Preto se fizer como fez em Apucarana e regiao entrará para história como o melhor secretário de saúde do estado…preparado, dinâmico, humilde e austero com o bem público …Parabéns pela escolha governador 👍

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*