Bakri diz que Ratinho Jr não vai interferir na Assembleia | Fábio Campana

Bakri diz que Ratinho Jr não vai interferir na Assembleia

O líder da bancada governista na Assembleia, Hussein Bakri, diz que o governador Ratinho Jr não vai meter a colher nas eleições da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Paraná e das comissões internas – em especial à CCJ, a mais importante de todas. O governador não deve declarar apoio a nenhum grupo durante o pleito interno.

A verdade é que as escolhas estão feitas. Ademar Traiano, do PSDB será reconduzido à presidência. Todos os cargos importantes serão preenchidos por deputados da confiança do governo. A dúvida é sobre a presidência da CCJ, pretendida por Fernando Francischini, do PSL, que tem voo próprio, aliados em bloco, e uma vocação indisfarçável para a polêmica e o confronto.

Bakri deu entrevista ao Jornal da Manhã de Ponta Grossa que vale a pena conferir no Leia Mais.

Jornal da Manhã: Qual a opinião do deputado em relação ao contingenciamento de 20% das despesas do Estado, anunciado pelo governador? O momento político é de conter despesas?

Hussein Bakri: Acredito que não seja nem o momento político. É a necessidade atual. Em primeiro lugar, o Estado não possui hoje as informações necessárias, as informações cadastradas… Pasmem vocês: o Estado só vai ter em mãos essas informações, falando de um ponto de vista muito otimista, a partir do dia 20 [de janeiro]. Então acredito que o Estado se reserva do direito de contingenciar. Até para que no futuro, ao analisar a situação real, possa decidir se irá validar os convênios ou não. Esse contingenciamento é até uma questão de segurança para o Estado. O Estado precisa disso, e tenho certeza que olhando por este ponto de vista todos irão entender. Eu quero dizer a vocês que ninguém vai perder nada [no Orçamento].

JM: Me parece que o governador tem preferido tomar uma certa distância em relação aos assuntos da Assembleia, principalmente sobre a votação da nova Mesa Executiva. Ele passou alguma orientação ao deputado, como líder do governo, sobre esse assunto?

Bakri: Acredito que não seja nem uma questão de distância. O governador Ratinho Junior passou pela Assembleia Legislativa do Paraná e foi deputado federal. Então ele conhece os membros e os meios do Legislativo. O que acontece é que o governador tem uma visão dentro de uma política atual é que cada um dos poderes tem sua atribuição. E ele não quer se meter nas atribuições do Poder Legislativo. Ele me disse que respeita a independência dos poderes e também falou que vai respeitar o que a casa entender e o que tiver consenso de todos sobre aquele que for o escolhido para ser o presidente da Assembleia. Essa é a posição do governador.

JM: A base governista deve novamente ser maioria na Assembleia. Como foi o trabalho do deputado para articular o apoio da Casa, principalmente com os novos membros?

Bakri: Eu tenho conversado com várias bancadas. Como todos sabem, a nova composição vai assumir no dia 1º de fevereiro. Então eu tenho procurado receber todos os deputados indistintamente, porque essa é a orientação que o governador Ratinho Junior me passou. Mas é evidente que nós temos que montar uma base e eu estou muito otimista com os deputados que irão montar essa base. Os deputados têm se mostrado interessados em fazer parte, principalmente por concordar com essa política de inovação que o governador tomou, abolindo aquele estilo do ‘toma lá, dá cá’, aquela coisa de nomeações daqui e dali. O governador adotou uma postura nova onde ele diz o seguinte: olha, o governo indo bem, vai ser possível realizar várias obras e todo mundo vai bem. Eu tenho sentido o apoio dos deputados nesse novo modelo de fazer política.

Em relação à presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), o deputado acredita que o governador deva apoiar algum candidato?

Bakri: Na mesma linha para a presidência da Assembleia Legislativa, o governador tomou uma decisão: as decisões do poder Legislativo cabem aos seus deputados. Ele me disse que irá respeitar aquilo que for decidido dentro da Casa e que espera trabalhar com todos os parlamentares em harmonia.

JM: Ao que me parece, Ademar Traiano deve ser reconduzido à presidência da Casa. Como é a relação do deputado Bakri com ele? O que esperar desta relação entre o governo e a Mesa Executiva, caso a vitória se concretize?

Bakri: O deputado Ademar Traiano tem realizado um belo trabalho como presidente da Mesa Executiva. Ele tem uma ótima relação com todos os outros deputados. Então ele está, evidentemente, hoje como um nome apontado dentro da Casa, no âmbito Legislativo, como favorito. A minha relação com ele é muito boa. Sempre tivemos uma ótima relação e gosto do estilo do Traiano. Acho que no dia a dia vai ser muito importante essa relação do líder [do governo] com o presidente da Assembleia Legislativa.

JM: O deputado Bakri já teve alguma conversa com o secretário Sandro Alex a respeito de investimentos para Ponta Grossa? Como está essa relação?

Bakri: Já tivemos várias conversas. A primeira delas, inclusive, foi para parabenizar a escolha do governador. O Sandro Alex reúne capacidade, competência, dinamismo e rapidez. Ele é pragmático. Eu entendo que agora, superando essa fase de avaliar o caixa do governo – que é fundamental saber o que tem e o que não tem – certamente os grandes projetos de Ponta Grossa serão destravados e colocados em prática. Aliás, não só os de Ponta Grossa mas de todos os Campos Gerais. Todos sabem da ligação estreita que o Sandro Alex tem com a região e certamente ele vai saber – e tem competência para isso – fazer andar rápidos os grandes projetos dos Campos Gerais.


3 comentários

  1. johan
    terça-feira, 15 de janeiro de 2019 – 12:39 hs

    Caro Fábio, o último grande líder legislador do sul do Paraná, foi Anibal Curi. Deixou a ALEP. Não foi um bom exemplo. Como está a situação do Bakri, quanto a situação no Forum Eleitoral de União da Vitoria. Não podemos aceitar reedição de fatos. Atenciosamente.

  2. urtica urens
    terça-feira, 15 de janeiro de 2019 – 16:38 hs

    eita photoshop … kkkkkkkk

  3. estadista da silva
    terça-feira, 15 de janeiro de 2019 – 18:44 hs

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!!!!!!!!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*