Reforma da Previdência na boca de Onyx e Mourão | Fábio Campana

Reforma da Previdência na boca de Onyx e Mourão

BR18

A reforma da Previdência foi tema de duas entrevistas quase simultâneas de membros do governo Bolsonaro. O futuro ministro-chefe da Casa Civil, Onyz Lorenzoni e o vice-presidente Hamilton Mourão falaram coisas um pouco diferentes sobre o tema. Lorenzoni, ao detalhar planos dos primeiros 100 dias do novo governo, disse que “a hora que a reforma estiver madura, será apresentada”.

Já Mourão ao Broadcast Político disse que a ideia é aproveitar “parte” do que já está no Congresso, ou seja a reforma proposta pelo presidente Michel Temer. Ele também sinalizou que não haverá fatiamento, como havia dito Jair Bolsonaro. O fatiamento, segundo Mourão, era uma referência ao fato da proposta envolver diferentes medidas, mas que a votação seria feita de uma única vez.


Um comentário

  1. zani
    quinta-feira, 27 de dezembro de 2018 – 22:22 hs

    Tantos anos vendo falar em reforma da previdencia e na verdade pouca coisa mudou, as famosas PEC que tentaram sempre esbarram na pressão dos agentes e servidores publicos, que continuam se aposentando com 48 anos mulheres e 53 homens,Mesmo com a PEC 41 /2003 não mudou a idade porque criaram a famosa aposentadoria 85/95, agora querem criar através MP a idade minima, mas como o servidor publico é regido pela Constituição não terá que cumprir o requisito, para isso teria que ser uma nova PEC onde o governo não conseguira aprovar.Era só colocar uma idade minima para todos a partir de agora e os governos municipais e estaduais teriam um folego a mais com suas previdencias falidas.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*