PMs matam assaltante no RJ; Bolsonaro dá 'parabéns' | Fábio Campana

PMs matam assaltante no RJ; Bolsonaro dá ‘parabéns’

Um homem que assaltou uma joalheria no município de Valença, no sul do Rio de Janeiro, foi morto por policiais militares ontem após fazer refém uma idosa de 83 anos por cerca de dez minutos.
Conforme nota divulgada pela Polícia Militar, PMs do 10º Batalhão que patrulhavam o centro da cidade foram informados por pessoas que passavam pela região que a loja havia sido assaltada. Segundo o texto, o criminoso portava um revólver calibre 38 e, ao avistar os policiais, fez a senhora refém, apontando a arma para a cabeça dela e “ameaçando matá-la a todo tempo”.
Mesmo cercado pelos agentes, ele se negava a se render e tentou fugir levando a idosa, até que ela tropeçou e caiu na rua, atrás de um veículo que estava estacionado. Nesse momento, dois dos policiais atingiram o assaltante com seis tiros. Ele morreu no local e a senhora, segundo a PM, passa bem.

Foram apreendidos no local o revólver do criminoso e 50.000 reais em joias, que ele havia roubado na joalheria.

Bolsonaro parabeniza policiais

Por meio de sua conta no Twitter, o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), parabenizou os policiais que mataram o assaltante. “A vida do cidadão de bem sempre deve ser prioridade”, escreveu Bolsonaro, que recebeu como resposta do perfil da PM fluminense: “Nossas continências, Exmo Presidente eleito!!!”.
Uma das bandeiras da campanha do presidente eleito é a alteração do Código Penal para incluir o “excludente de ilicitude” a policiais que matam criminosos durante o serviço.

Filho do presidente eleito, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) também enalteceu a atuação dos PMs. “Aplausos para esse policial. Merece uma medalha, a qualquer momento o criminoso poderia matar a idosa ou o próprio policial”, afirmou.

As informações são da revista Veja.


5 comentários

  1. Fabio
    quinta-feira, 6 de dezembro de 2018 – 14:57 hs

    Bolsonaro vai condecorar policiais a partir do ano que vem, como ocorre nas grandes democracias, parabéns Capitão!

  2. antonio carlos
    quinta-feira, 6 de dezembro de 2018 – 15:12 hs

    Uau agora o pessoal dos Direitos Humanos dos bandidos, a turma dos esquerdopatas do quanto pior melhor e os amantes da paz, ou seja, de bandidos e traficantes devem estar escandalizados, pedindo justiça para o bandido. Agora só estão faltando apelos à CIDH, à ONU e até ao papa Francisco. Ninguém está preocupada com o trauma causado à senhora idosa.

  3. Vera Lúcia Cidadã
    quinta-feira, 6 de dezembro de 2018 – 16:20 hs

    Se fosse em alguns lugares do Paraná, o PM estaria preso e o MP estaria entrando com um pedido de inclusão da família do bandido em programa de atenção social, já que o combate à pobreza e a marginalização está, para alguns, acima da segurança pública e da vida de quem não demonstra vitimismo.
    Só quem já teve uma arma apontada pra cabeça no portão de casa, e seu filho chorando no banco de trás, sabe o que é ser refém de politicas sociais para pobres e segurança para os muito ricos. Ou as instituições combatem o crime e a corrupção ou se unem com a Defensoria Pública nas demandas do necessitados. Não temos nem o direito à Liberdade garantido, imagina os direitos sociais.

  4. quinta-feira, 6 de dezembro de 2018 – 17:14 hs

    Da gosto de ver um vagabundo sendo morto. Não quer morrer? Vai viver direto. Parabéns para a polícia. Que morram muitos vagabundos!!!!

  5. Siloé O. Nogueira
    quinta-feira, 6 de dezembro de 2018 – 18:15 hs

    EU TAMBÉM PARABENIZO !! PENA DE MORTE, JÁ !
    ops…..não faço parte desses movimentos: Lulismo e nem, Bolsonarismo .

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*