Juízes dão jeitinho para repor auxílio-moradia | Fábio Campana

Juízes dão jeitinho para repor auxílio-moradia

Olha como o pessoal dos tribunais de Justiça do Maranhão e do Mato Grosso do Sul é criativo.
Com receio do que poderão perder as restrições do auxílio-moradia, inventaram o auxílio-transporte, que pode chegar a R$ 7,2 mil, o equivalente a 20% dos salários.
Tem mais. É verba indenizatória o pagamento não está sujeito nem a desconto no imposto de renda nem entra na conta do teto salarial.
Pode parecer incrível, mas ainda tem mais. No Maranhão, as excelências aproveitaram e também subiram o valor do vale-alimentação para 10% do salário – uma média de R$ 3,3 mil mensais para compra da cesta básica.
Nos dois estados, os juízes conseguiram aprovação dos deputados.


5 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    sexta-feira, 21 de dezembro de 2018 – 12:49 hs

    Eles poderiam usar como lema “façam o que nos dizemos, mas, não façam o que nós fazemos”.

  2. Rogério
    sexta-feira, 21 de dezembro de 2018 – 13:04 hs

    Por isso que o país está nesta merda, a maioria do povo quando não ganha um mísero salário mínimo, outra grande parte desempregada essas castas dos três poderes, usurpam os cofres públicos como os brasileiros fossem seus vassalos, o único jeito pra acabar com esses escárnios , somente os brasileiros acordarem e reclamar seus direitos, como os franceses fizeram este mês na França. Só assim pra respeitarem o povo que paga esses salários nababescos.

  3. garafa
    sexta-feira, 21 de dezembro de 2018 – 17:27 hs

    Será que vai continuar sem consequências ?

  4. Juca
    sábado, 22 de dezembro de 2018 – 6:19 hs

    Se pelo menos julgassem os milhares de processos que estão parados nos fóruns! Mas não, se queixam da falta de assessores e estagiários

  5. sexta-feira, 28 de dezembro de 2018 – 20:48 hs

    “Sabe com quem estão falando?!?!? Sabe quem eu sou e aonde trabalho?? Eu sou a Leiiiiiiiii!!!” p.s.: só que não!!

    2019 promete!! Força juízes honestos!! A jurisprudência terá que vir de baixo para cima. Vamos nos alinhar aos anseios da população. Chega de colegas sendo políticos para conseguirem indicações. Essa prática tem que acabar. Associação virou “degrau” para indicações. Vamos reagir!! O povo só tem vocês! Não podemos apostar todas as fichas no executivo federal. Precisamos que a justiça comece a ser feita na própria Justiça. Vamos limpar a casa!! Ta na hora do TJ resolver suas pendências com a população e virar a página do passado com Glória.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*