Indiretas chavistas a Bolsonaro | Fábio Campana

Indiretas chavistas a Bolsonaro

BR18

Pelos corredores da ONU, indiretas chavistas são enviadas ao presidente eleito, Jair Bolsonaro. O embaixador venezuelano na organização, Jorge Valero, lançou um ataque velado contra Bolsonaro. Disse que é “incompreensível” que países se apresentem como se estivessem “preocupados com a imigração”, enquanto se recusam a assinar o Pacto Global de Migração da ONU. “Todos sabem de quem estamos falando”, afirmou ao Estadão uma representante do governo chavista.


6 comentários

  1. saulo
    sábado, 15 de dezembro de 2018 – 20:40 hs

    Deixemos os socialistas espernearem a vontade!

  2. M.a
    domingo, 16 de dezembro de 2018 – 8:25 hs

    O QUE NOSSO PRESIDENTE TEM QUE FAZER,É CORTAR RELAÇÕES E O COMÉRCIO COM TODOS OS COMUNAS.

  3. antonio carlos
    domingo, 16 de dezembro de 2018 – 9:53 hs

    KKK adorei a indireta do embaixador, porque ninguém imigra do país dele, é o contrário, quem pode foge dele. Assim fica bom, não preciso me preocupar com imigração, porque nenhum governo se preocupa com quem emigra do país. A cada nova declaração de esquerdopata gosto mais, a loucura não tem limites mesmo.

  4. Mistafah
    domingo, 16 de dezembro de 2018 – 18:10 hs

    Vamos ver , diplomata venezuelano reclama que Brasil não vai aceitar acordo que abre fronteiras para imigração, interessante, pois não se sabe de ninguém querendo irmãozão amVenezuela e somente fugir dessa e da fome, doenças , miséria e criminalidade que tomou conta daquele país, além do mais, quem se preocupa com opinião de embaixador venezuelano

  5. COMUNISTA VERDE AMARELO
    segunda-feira, 17 de dezembro de 2018 – 11:02 hs

    Campana, não chame de “governo chavista” a ditadura do Maduro!
    Que esperneiem e gritem o quanto quiserem esses comunistas idiotas.

    Afinal, pra Venezuela ninguém imigra, só seus pobres cidadãos é que emigram! Tipo Cuba.

  6. Parreiras Rodrigues
    segunda-feira, 17 de dezembro de 2018 – 11:15 hs

    A ONU que vá pros quintos dos infernos. Prá PQP. Troço mais besta, sô!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*