Fim da estatal do trem-bala | Fábio Campana

Fim da estatal do trem-bala

Oito anos de vida, R$ 70 milhões de recursos públicos por ano, 140 funcionários, e quase nada de resultados. Parece que a Empresa de Planejamento e Logística (que foi criada para tratar do desenvolvimento de trem-bala que nunca aconteceu, com autorização de Lula para a União garantir o financiamento de até R$ 20 bilhões no projeto) parece que está com os dias contados.
Onyx Lorenzoni ao se referir à estatal concluiu “A EPL é uma barbaridade”.

(Imagem: Reuters)

 


2 comentários

  1. incitatus
    terça-feira, 4 de dezembro de 2018 – 18:47 hs

    Esta é das primeiras que dá adeus, ficou só na base da boa vontade.

  2. terça-feira, 4 de dezembro de 2018 – 21:50 hs

    Dilma e o PT deveriam ser condenados a devolver o dinheiro gasto com este mutreta.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*