Ex-governador do ES é assassinado por ex-assessor | Fábio Campana

Ex-governador do ES é assassinado por ex-assessor

O ex-senador e ex-governador do Espírito Santo Gerson Camata (MDB) foi morto a tiros na tarde de ontem por um ex-assessor. O crime aconteceu em Vitória e a motivação, disse Marcos Venicio Moreira Andrade, o assassino confesso, foi uma ação judicial movida por Camata contra ele.
O secretário de Segurança Pública do Estado, Nylton Rodrigues, explicou o caso assim: “O autor do homicídio está preso. Já confessou o crime. A arma utilizada foi apreendida e a motivação do crime lamentável é uma ação judicial movida pelo nosso ex-governador em desfavor de um ex-assessor seu. Esse ex-assessor trabalhou com Camata por 20 anos e teve R$ 60 mil bloqueados em sua conta. (Nesta quarta), na Praia do Canto, o autor do crime foi tirar satisfação ao encontrar Camata na rua. Neste encontro, iniciou-se uma discussão verbal, quando Marcos sacou uma arma e efetuou os disparos”.
Em 2009, em entrevista ao jornal O Globo, Marcos denunciou uma suposta rotina de mesadas de empreiteiras e notas frias no gabinete de Camata.

(Foto: Agência Senado)


Um comentário

  1. quinta-feira, 27 de dezembro de 2018 – 17:06 hs

    se a moda pega…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*