Brasil desconvidou Cuba e Venezuela para posse | Fábio Campana

Brasil desconvidou Cuba e Venezuela para posse

A diplomacia brasileira anda meio atrapalhada com as relações e a comunicação. Aconteceu assim:
– Pelo Twitter, o futuro chefão de Ralações Exteriores, Ernesto Araújo, negou que o Itamaraty tenha convidado o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro para a posse de Bolsonaro;
– Pelo Twitter, o ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Jorge Arreaza, publicou o convite, que falava da “honra” da embaixada brasileira em receber Nicolás Maduro para a posse;
– O Itamaraty enviou nova comunicação à Venezuela, aproveitou e colocou o endereço de Cuba também no correio, a pedir, sem explicações, que os dois países desconsiderassem a comunicação anterior.

(Foto: Sergio Lima/AFP)


Um comentário

  1. COMUNISTA VERDE AMARELO
    segunda-feira, 17 de dezembro de 2018 – 11:32 hs

    Tá mais que bom assim. Comunistas e ditadores não merecem consideração e mesuras! Respeitem as liberdades de seus cidadãos antes de virem exigir respeito internacional. VSF!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*