Quem escolheu Vélez para Educação? | Fábio Campana

Quem escolheu Vélez para Educação?

Veio da cachola de Olavo de Carvalho a ideia de colocar o colombiano Ricardo Vélez Rodríguez como ministro da Educação.
Bolsonaro tem em Carvalho um de seus gurus. Ontem, depois das confusões da indicação de Mozart e a revolta da bancada evangélica, o chefe foi buscar em Carvalho a decisão. Ouviu e foi para o Twitter declarar a decisão.


4 comentários

  1. SERGIO SILVESTRE
    sexta-feira, 23 de novembro de 2018 – 14:30 hs

    O Bozo tá mais perdido que o Malafaia explicando sua condução coercitiva,mas eu tenho um palpite de quem indicou,foi o Capriles ou o Edir,eles mandam nele.

  2. Diego
    sexta-feira, 23 de novembro de 2018 – 14:32 hs

    Bolsonaro nunca fez o convite a Mozart pra ser ministro, que era o favoritinho da mídia e da esquerda. O Velez sempre foi o principal cotado. Pra quem está antenado nas redes sociais dos principais apoiadores do Bolsonaro na área cultural, isso era absurdamente claro. Quem fez confusão foi a própria imprensa, e se houve revolta de alguém da bancada evangélica, foi baseada na desinformação causada pela própria.

  3. Doutor Prolegômeno
    sexta-feira, 23 de novembro de 2018 – 14:34 hs

    Isso é mais um chute da mídia, que está mais por fora que bunda de passista de escola de samba. Sem assessores de imprensa para vazar bizus e fofocas, a mídia não acerta uma com Bolsonaro. Isso é das coisas mais gratificantes desse cidadão: ele faz troça e bota titica na cabeça da mídia.

  4. Gaudério do Piquiriguaçu
    sexta-feira, 23 de novembro de 2018 – 15:59 hs

    Saem os cubanos, entra o colombiano.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*