Motoristas e cobradores marcam ato na prefeitura de Curitiba | Fábio Campana

Motoristas e cobradores marcam ato na prefeitura de Curitiba

da Banda B

Reunidos em assembleia na tarde desta quinta-feira (8), motoristas e cobradores de ônibus aprovaram uma agenda de mobilizações contra o projeto que implementa a bilhetagem eletrônica em Curitiba e abre caminho para extinguir a profissão de cobrador. O primeiro ato está marcado para a próxima terça-feira (13), data em que a categoria irá entregar um documento para o prefeito Rafael Greca pedindo a retirada do projeto da Câmara Municipal.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus (Sindimoc), Anderson Teixeira, o risco de demissões é muito evidente, então uma greve geral da categoria ainda não está descartada. “Caso esse projeto venha a retirar os trabalhadores de seus postos de trabalho, vamos fazer uma greve geral. Então, além dessa entrega ao prefeito, vamos até o presidente da Câmara no dia 20 para pedir que o projeto não seja aprovado”, explicou.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*