"Moro ministro da Justiça ou do STF", deseja Bolsonaro | Fábio Campana

“Moro ministro da Justiça ou
do STF”, deseja Bolsonaro

Em sua primeira entrevista como presidente eleito, Jair Bolsonaro confirmou que gostaria de contar com o juiz Sérgio Moro, ou como ministro do Supremo, como já havia sido indicado durante a campanha, ou até mesmo como ministro da Justiça. “Se eu tivesse falado isso antes (durante a campanha) soaria como oportunismo. Pretendo conversar com ele (Moro) para ver há interesse da parte dele”, disse Bolsonaro para a TV Record.


9 comentários

  1. Estatística
    terça-feira, 30 de outubro de 2018 – 9:16 hs

    Para a primeira vaga no STF está ótimo. Ser obrigado a deixar uma linda carreira por um ministério de onde pode ser demitido dependendo da vontade do presidente? Seria burrice.

    Que continue fazendo o bom trabalho na Lava Jato.

  2. QUESTIONADOR
    terça-feira, 30 de outubro de 2018 – 10:59 hs

    -Opinião de uma simples e limitado leitor: manteria Moro na Lava-Jato!!! Injetaria mais recursos financeiros e de pessoal para investigação para passar o Brasil à limpo de uma vez por todas!!!
    -Finda a operação Lava-Jato, que acho, levaria mais uns dois anos…nomearia para o STF no lugar de algum ministro canhota!!!

  3. Duvidoso
    terça-feira, 30 de outubro de 2018 – 15:30 hs

    Posso estar enganado, mas conhecendo a ética do Sr. Sergio Moro, duvido muito que ele aceite os dois convites.

  4. Murillo
    terça-feira, 30 de outubro de 2018 – 15:43 hs

    Torço para que o Juiz Sérgio Moro seja o próximo ministro do STF. Ordem e Progresso!

  5. SERGIO SILVESTRE
    quarta-feira, 31 de outubro de 2018 – 10:32 hs

    Ministro do STF sim. Mas ministro da justiça nem pensar…

  6. Dionleno
    quarta-feira, 31 de outubro de 2018 – 12:48 hs

    Seria legal o Juiz Sergio Moro e o Bretas do RJ no STF, queria ver quem irá querer foro privilegiado kkkkk

  7. mauricio julio lara
    quarta-feira, 31 de outubro de 2018 – 13:28 hs

    Precisamos que seja esclarecido todas as falcatruas do PT junto ao BNDES. Para tanto, minha opinião é que o juiz Sérgio Moro, continue no mesmo posto, com amplos poderes, para mostrar ao povo brasileiro, de que perigo nós nos livramos com esta eleição.
    Inclusive indiciando quem, participou de atos ilegais e ainda não foi punido. É de suma importância que os dinheiros desviados, sejam devolvidos na íntegra. Ninguém melhor que ele para estas operações.

  8. Denise Zero
    quarta-feira, 31 de outubro de 2018 – 17:16 hs

    Se Moro assumir previamente este Ministério, tenham certeza que algumas instituições do estado, cuja chefia é ligada a movimentos sociais e a partidos políticos (e sua estrutura utilizada para perseguir pessoas que pensam diferente), serão viradas ao avesso até se mostrarem realmente transparentes. Se o instituto da eleição democrática serve para se alternar o poder, então por que existem os “postes”? E não adianta homenageá-lo para criar um desconforto, como feito com o Deltan.

  9. Isabel
    domingo, 4 de novembro de 2018 – 18:29 hs

    Que promova a CPI do MP e do Judiciário. Verificar as trocas de favores, liminares e envolvimento politico-partidario dos seus chefes, bem como o recrutamento de integrantes esquerdistas para manutenção do poder.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*