Candidato ao governo de SP é alvo de ataque a tiros | Fábio Campana

Candidato ao governo de SP é alvo de ataque a tiros

O candidato da Democracia Cristã (DC) ao governo de São Paulo, major do Exército Adriano da Costa e Silva – o Major Costa e Silva –, escapou de um ataque a tiros na noite de ontem. O crime aconteceu na estrada da Cooperativa, no jardim Santo Antônio, em Ribeirão Pires.
Eram 21 horas quando quatro homens em duas motocicletas cercaram o carro do candidato – uma Pajero prata – e atiraram. O major estava acompanhado por seu motorista, o capitão do Exército Hamilton da Silva Munhoz. As balas acertaram o carro e um dos disparos atingiu o colete a prova de balas do capitão. O major reagiu e atirou nos criminosos, que fugiram.
Durante o tiroteio, o capitão perdeu o controle do carro, que bateu e capotou, indo parar em um córrego. Os dois oficiais do Exército foram socorridos por uma unidade de resgate do Corpo de Bombeiros – eles tiveram escoriações leves – e levados até o pronto-socorro Santa Helena. Policiais do 30.º Batalhão da Polícia Militar tentaram localizar os bandidos, mas até às 23 horas nenhum deles havia sido capturado ou identificado.
Foto e informações d’O Estado de S. Paulo.


Um comentário

  1. eleitor desmemoriado
    quinta-feira, 4 de outubro de 2018 – 15:06 hs

    Que horror, a guerra passou do campo das ideias para o da ação. Estamos voltando no tempo, ao tempo dos coronéis e dos seus capangas. Eleição voltou a ser resolvida na base da bala?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*