Ministros do STF cumprimentam freio no MP | Fábio Campana

Ministros do STF cumprimentam freio no MP

Painel, Folha de S. Paulo

Luiz Fernando Bandeira de Mello Filho, do Conselho Nacional do Ministério Público, foi parabenizado por ministros do Supremo na festa de posse de Dias Toffoli, novo presidente da corte, por ter pedido a investigação do timing de promotores que acionaram políticos durante a campanha eleitoral.

Um dos integrantes do STF que o cumprimentou efusivamente afirmou que “já estava na hora”. “Os promotores estavam exagerando.” Para registro: o entusiasta da medida integra a ala do Supremo que costuma agir com rigor diante de políticos investigados.


3 comentários

  1. Palpiteiro
    domingo, 16 de setembro de 2018 – 12:32 hs

    Estamos à caminho do estado policial. O modelo Gestapo pós-moderno de investigação: prende sem prazo para conseguir o quer. Deviam usar esses métodos com o crime violento, tráfico de armas e drogas, etc. Mas estes recebem a turma à bala. Os outros não.

  2. domingo, 16 de setembro de 2018 – 15:54 hs

    Bah,kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

  3. Vero
    domingo, 16 de setembro de 2018 – 18:46 hs

    De fato uma acusação com ou sem provas não custa nada aos acusadores, mas para o acusado representa muita grana (além de gastar muito com honor advgds tem danos morais e de imagem), ou seja, o custo é exorbitante. Por isso entendo que as provas têm que ser tarifadas..

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*